Menu
Busca Dom, 17 de fevereiro de 2019
(67) 9.9928-2002
Economia

CNI e Sebrae têm 900 vagas em projetos de aumento de competitividade para MPEs em todo o país

12 fevereiro 2019 - 17h00

Ao longo do 2019, cerca de 900 empresas de 16 estados devem ser beneficiadas por projetos coletivos do Programa de Apoio à Competitividade das Micro e Pequenas Indústrias (Procompi), iniciativa da Confederação Nacional da Indústria (CNI) e do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresa (Sebrae). A estimativa é que as instituições invistam R$ 6,3 millhões nas ações, que buscarão solucionar desafios comuns a negócios do mesmo ramo, em regiões específicas. Ainda é possível participar dos projetos, que estão em fase de cadastro de interessados.

Neste ano, 12 setores têm projetos aprovados, que são executados pelas federações estaduais de indústrias e núcleos regionais do Sebrae e têm duração de um ano. Cada ação reúne entre 15 e 20 empresas. "Nosso objetivo é apoiar indústrias de pequeno porte a melhorar seu desempenho por meio de consultorias e capacitação. Cada projeto é desenhado para atender a demanda de um setor específico", explica Suzana Peixoto, coordenadora do Procompi pela CNI.

A possibilidade de personalizar os projetos dá ao Procompi a capacidade de atender, simultâneamente, setores e regiões com realidades distintas. Por exemplo, entre os 48 projetos aprovados para este ano estão incluídos uma ação para desenvolver a indústria cerâmica da Zona da Mata e do Agreste de Alagoas; qualificar empresários em produção enxuta para diminuir desperdícios na produção de plástico no Vale dos Sinos, no Rio Grande do Sul; e oferecer consultoria em design thinking para indústrias de bebidas em Curitiba, no Paraná. Todas as regiões do país têm ações previstas.

Para mais detalhes, as empresas devem buscar as federações de indústrias ou os núcleos regionais do Sebrae de seu Estado. Os contatos estão no site do Procompi: http://www.portaldaindustria.com.br/cni/canais/procompi/. Os interessados devem ficar atentos aos setores e as regiões antendidas por esta rodada de projetos.

O Procompi

Em 21 anos de existência, o Procompi beneficiou milhares de indústrias em todo o país. No último ciclo de projetos, entre 2010 e 2015, a CNI e o Sebrae investiram R$ 30 milhões em projetos para atender mais de 2 mil empresas. Em média, os negócios participantes observaram aumento de 29% na produtividade, enquanto na indústria geral o crescimento foi de apenas 1%. As empresas também relataram 23% redução média nos custos de produção e 60% das empresas adoratam práticas de inovação após o Procompi.

 

 

 

 

Informações:Fiems

Gruta de Bonito - Luz de Dia

Deixe seu Comentário

Leia Também

Em Campo Grande
Árvore no meio do caminho impede passagem de pedestres e ciclistas
Em Campo Grande
Guarda Municipal é preso por fazer confusão e dar tiros para cima em estado de embriaguez
Homem é executado na frente da mulher em Dourados
Encontrado
Corpo do jogador Emiliano Sala será cremado na Argentina
Vaticano
Cardeal é expulso pelo Papa depois de acusações de abusos sexuais contra seminaristas
Sujeira na capital
Moradores realizam mutirão de limpeza em bairro da Capital
Interior
Jovem de 19 anos é morto a tiros em confronto com policiais militares
Mundo
Eleição na Nigéria é adiada horas antes do início da votação
Ataque Internacional
Ataque jihadista em Burkina Faso deixa pelo menos seis mortos
OPERAÇÃO DOLOS
Em operação policiais prendem quatro em flagrante delito por tráfico de drogas.