Menu
Busca Sex, 30 de julho de 2021
(67) 9.9928-2002
CURIOSIDADES

6 VEZES QUE DITADORES AGIRAM IGUAL CRIANÇAS MALCRIADAS

30 janeiro 2019 - 16h30

Dizem por aí que o poder corrompe até o mais nobre dos corações. O problema de ter todo o poder político concentrado em apenas uma pessoa, que impõe sua vontade em toda a população é que ela se torna livre para tomar qualquer medida extrema. E acredite, algumas dessas ações têm consequências assustadoras.

Mesmo que seja difícil de acreditar, ainda existem países que vivem sob regimes de ditadura. O fato é que pelo poder que essas pessoas possuem, elas podem ter atitudes infantis e não seres questionadas pela população. E foi pensando exatamente isso pelo site Fatos Desconhecidos. Trouxeram 7 vezes que ditadores agiram como crianças rebeldes. Confira:

 

1 - Pierre Nkurunziza

 

 

Pierre Nkurunziza, o atual presidente de Burundi, é considerado corrupto e violento. Uma das maiores provas disso é que ele está cumprindo seu terceiro mandado presidencial em um país que só permite dois.

Ele é conhecido como "Presidente do Futebol da África Oriental", e até possui sua própria equipe, a Haleluya DC, com quem realiza treinos três vezes por semana. E jogar contra ele não é uma experiência muito agradável.

O HFC disputou uma partida contra uma equipe da cidade de Kiremba, que era formado por refugiados congoleses, que aparentemente não sabiam quem estava enfrentando. Após o jogo o presidente mandou prender o administrador do time de Kiremba. Ele os colocou sob acusações de "conspiração contra o presidente", imaginando que eles deviam ter contratado agentes externos para o ferir.

 

2 - Ramzan Kadyrov

O ditador Ramzan Kadyrov, presidente da Chechênia, é conhecido por ações homofóbicas e vídeos de seus filhos espancando outras crianças em torneios públicos de MMA.

Em dezembro de 2017, os Estados Unidos tomaram certas medidas para fechar a conta do Instagram de Kadyrov. Como um bom adulto que ele é, ele foi até Vladimir Putin e fez com que ele registrasse uma queixa forma contra a sanção.

 

3 - Emomali Rahmon

Em 2007, o presidente do Tadjiquistão, Emomali Rahmon, estava no casamento luxuoso de seu filho. Aparentemente ele exagerou um pouco na vodca e tudo foi registrado. Após os vídeos pararem na internet, o presidente recebeu críticas, principalmente porque ele mesmo tinha proibido grandes casamentos. Não demorou muito para Rahmon ter uma legislação que proibia a "internet" em seu país para "impedir a má conduta das pessoas".

 

4 - Eric Gairy

Durante a maior parte da vida adulta de Eric Gairy ele dedicou-se pela independência de seu país. Mas com o tempo ele ficou completamente insano. Ele começou a fraudar as eleições e criou até um exército chamado Gangue Mongoose. Se tratava de um grupo de bandidos que espancava ou assassinava os oponentes políticos.

 

5 - Prayut Chan-ocha

Quando Prayut Chan-ocha realizou seu golpe em 2014, a sua desculpa foi que ele estava se sentindo ameaçado. Para manter o seu poder, ele ordenou uma repressão às pessoas que insultassem o rei. Tempos depois, Thanakorn Siripaiboon, um comentarista aleatório da internet, fez uma piada sobre o falecido cachorro Thong Daeng do rei Bhumibol. O responsável pelo comentário foi imediatamente preso em sua casa por acusações de crimes de informática e sedição.

 

6 - Kim Jong-Un

poder

Em 2014, Kim Jong-Um assinou um documento que proibia pais de darem a seus filhos o seu nome. Quem já possuía o mesmo nome tinha que mudá-lo "voluntariamente". Mas tal fato já era realizado de forma não oficial antes dele assumir o governo.

 

 

 

 

fonte:fatosdesconhecidos

violência contra a mulher

Deixe seu Comentário

Leia Também

Mato Grosso do Sul
Inscrições prorrogadas para a segunda edição do Prêmio Inova
Oportunidade
Estão abertas as inscrições para curso de idiomas na UEMS
Brasília
PP não vai aceitar filiação de Bolsonaro
Dourados
Agesul retira mais de 800 toneladas de lixo das margens da MS-156 em Dourados
Interior
SubsRacial leva Campanha Julho das Pretas a Rochedo, com temas de saúde e educação
Mato Grosso do Sul
Temperaturas voltam a subir e ar seco segue predominando nesta quarta-feira
Mato Grosso do Sul
Governo investe R$ 5,8 milhões na pavimentação da MS-455, criando novo acesso a Capão Seco
Interior
Corpo de Bombeiros monitora incêndios com imagens de satélite e amplia fiscalização em áreas de focos
Campo Grande
Até quando a massa de ar frio polar vai atuar em Mato Grosso do Sul?
Esportes
Hoje é Dia: nota 10 de Comaneci e Dia do Futebol marcam semana