Menu
Busca Ter, 18 de fevereiro de 2020
(67) 9.9928-2002
40 ANOS

Após 40 anos, mulheres retornam a estádio de futebol no Irã

Iranianas veem vitória da seleção masculina sobre Camboja

11 outubro 2019 - 08h30Por Agência Brasil

O Irã goleou o Camboja por 14 a 0 nesta quinta (10) em jogo válido pelas eliminatórias asiáticas para a Copa do Mundo de 2022. Mas, apesar do placar elástico, as atenções se concentravam nas arquibancadas no estádio Azadi, onde cerca de 4 mil mulheres acompanharam a partida.

Estas foram as primeiras mulheres em mais de 40 anos que viram um evento esportivo protagonizado por homens. Isto acontece porque desde a Revolução Iraniana, que aconteceu em 1979, as autoridades locais passaram a reprimir este tipo de iniciativa. O movimento tinha como uma de suas principais bandeiras afastar, e suprimir, as influências ocidentais na cultura local.

Segundo a agência oficial de notícias do Irã (Irna), a partida de hoje contou com um público de 6 mil pessoas, sendo 4 mil delas mulheres.

 

Posição da Fifa

Após a partida, o presidente da Federação Internacional de Futebol (Fifa), o italiano Gianni Infantino, divulgou uma mensagem na qual afirmou que a entidade “continuará trabalhando (...) para ajudar a garantir que a coisa certa seja feita, que é permitir que todos os torcedores, independentemente do sexo, tenham a chance de ir aos estádios e desfrutar de uma partida de futebol”.

Essa mudança do governo do Irã em relação à presença feminina em eventos esportivos masculinos ocorre após pressão da Fifa, que enviou uma delegação a Teerã no mês de setembro para buscar formas de viabilizar o acesso de mulheres ao jogo contra o Camboja.

 

Críticas

Em setembro, o Irã se tornou alvo de críticas internacionais após uma mulher ter morrido ao colocar fogo em si mesma depois de ser condenada à prisão pela tentativa de assistir a um jogo de futebol.

A mulher teria tentado entrar no estádio vestida como homem. Com informações, Agência Brasil.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Campo Grande
População reclama da falta de iniciativa do prefeito Marcos Trad
Saúde pública
Novo coronavírus: Brasil monitora cinco casos suspeitos
Bataguassu
Homens São presos por furto de sal para bovinos
Interior
Maquinário despencou com ponte de madeira
Campo Grande
Sujeira e mato nas proximidades da Orla morena, revolta moradores
Polícia
DOF apreende veículos roubados e abandonados em região pantanosa
Greve
Caminhoneiros protestam nesta terça e cobram decisão sobre tabela do frete
Operação Coffe break
Seis anos se passaram, e parece ser verdade afirmação de Olarte de que é blindado
Mundo
Diretor de hospital em Wuhan morre infectado pelo novo coronavírus
Pedófilos
Bombeiro preso na Operação Luz da infância