Menu
Busca Sex, 23 de julho de 2021
(67) 9.9928-2002
POLÍTICA

Com Crivella, verbas para controle de enchentes no RJ caíram quase 80%

07 fevereiro 2019 - 18h30

A cada tempestade que deixa rastro de destruição no Rio de Janeiro, a pergunta se repete: será que a prefeitura poderia ter feito mais para impedir e prevenir os desastres? Os números obtidos por VEJA no Portal da Transparência da capital fluminense revelam que sim: entre 2014 e 2018, houve queda de 78% no valor pago pelo município para o programa de “controle de enchentes“.

 

Em 2014, durante o mandato do ex-prefeito Eduardo Paes (à época no MDB), o Rio gastou R$ 294,7 milhões no programa. O valor para o programa caiu nos anos seguintes, até chegar a apenas 14,5 milhões de reais em 2017, início da gestão Marcelo Crivella (PRB).

 

No ano passado, o município gastou apenas 57,3% do que o orçamento previa para controle de enchentes: no total, foram usados 66,2 milhões de reais para tentar prevenir o recorrente problema. Trata-se de um valor 78% menor que o gasto em 2014.

 

Previsão orçamentária e valor gasto para controle de enchentes: diferença é grande (Rio Transparente, acesso em 07/02/2019/Reprodução)

 

 

A proteção de encostas também poderia ter sido alvo de maiores esforços do governo. Foram gastos apenas 13,3% dos R$ 264,9 milhões autorizados pelo orçamento: cerca de 35,4 milhões, valor inferior aos 36,1 milhões de reais usados em 2014.

 

 

 

 
 
 
Informações Site Veja
 
vacina sim

Deixe seu Comentário

Leia Também

Dourados
Agesul retira mais de 800 toneladas de lixo das margens da MS-156 em Dourados
Interior
SubsRacial leva Campanha Julho das Pretas a Rochedo, com temas de saúde e educação
Mato Grosso do Sul
Temperaturas voltam a subir e ar seco segue predominando nesta quarta-feira
Mato Grosso do Sul
Governo investe R$ 5,8 milhões na pavimentação da MS-455, criando novo acesso a Capão Seco
Interior
Corpo de Bombeiros monitora incêndios com imagens de satélite e amplia fiscalização em áreas de focos
Campo Grande
Até quando a massa de ar frio polar vai atuar em Mato Grosso do Sul?
Esportes
Hoje é Dia: nota 10 de Comaneci e Dia do Futebol marcam semana
Saúde
Covid-19: Brasil soma 541,2 mil mortes e vai a 19,3 milhões de casos
Violência
Em vídeo exclusivo, DJ Ivis pede perdão a Pamella e a todas mulheres
Tempo
Ela vem: frente fria vai derrubar temperaturas para menos de 3ºC e causar geada em MS, diz previsão