Menu
Busca Sex, 24 de janeiro de 2020
(67) 9.9928-2002
maldade

Engenheiro russo envenenou colegas como vingança por não ser promovido

10 abril 2018 - 17h41Por Redação Notícias VIP
Um habilidoso designer russo de uma empresa de defesa ultra secreta decidiu vingar-se de dois dos seus colegas, dando-lhes veneno para ingerir.

Vladislav Shulga, de 37 anos, ficou fulo por não ser promovido, e decidiu colocar um liquido tóxico, conhecido como veneno de Saddam Hussein, na água do chefe.

O seu ato de vingança terá tido consequências inofensivas para os principais visados, mas acabou por afetar outros dos seus colegas, noticia o Mirror.

Sabe-se que o dono da empresa não sofreu quaisquer danos, enquanto o vice ficou paralisado da cintura para baixo.

Outros colegas também denunciaram ter sofrido consequências com o ato de vingança, com muitos a queixarem-se de queda de cabelo e de doenças crónicas.

Depois de várias queixas, e de a polícia ter começado a investigar, Shulga admitiu o seu ato e enfrenta agora uma pena de cinco anos de prisão.
LIBERDADE DE EXPRESSÃO

Deixe seu Comentário

Leia Também

Campo Grande
Quando o prefeito não trabalha, a população sofre sem serviço público.
Cigarro contrabandeado
Choque apreende veículo abarrotado de cigarro
Judiciário solta suspeito de crimes de mando
A fiança foi arbitrada em 80 mil e o preso pagou imediatamente
Sorte ou Azar
Mega-Sena acumula e deve pagar R$ 40 milhões no sábado
Futebol
O assassino quer voltar ao futebol, mas está difícil.
Internacional
Indiano morre após ataque de Galo
Economia
China pressiona margens de produtores de carne bovina e impacta frigoríficos brasileiros
Campo Grande
Os buracos do prefeito Trad
Política
Juiz quebra sigilo de Marquito por suspeita de "rachadinha"
Fronteira violenta
Jovem foi morto por pistoleiros na fronteira