Menu
Busca Sex, 04 de dezembro de 2020
(67) 9.9928-2002
Meio Ambiente

Estufa gigante com plantas mais raras do mundo reabrirá em Londres

06 maio 2018 - 23h48Por Redação Notícias VIP
A maior estufa da época vitoriana reabrirá no sábado em Londres, após cinco anos fechada para renovação, para mostrar algumas das plantas mais raras do planeta.

A imensa "Temperate House" no Jardim Botânico Real de Kew, no oeste de Londres, permaneceu fechada durante os últimos cinco anos para ser renovada, em um projeto de 41 milhões de libras (57 milhões de dólares).

Esta estufa acolherá cerca de 1.500 espécies procedentes de diversas áreas, da África até a a América, passando por Austrália e Ásia.

"Foi surpreendente ver como este projeto se desenvolvia, o edifício aparece de forma esplêndida e algumas das plantas mais raras do mundo voltam a seu lar a salvo", disse Richard Barley, diretor de Horticultura no jardim botânico de Kew.

Uma das plantas mais singulares expostas é a sul-africana Encephalartos woodii, parecida com uma palmeira, com folhas de cor verde escuro, que se encontra extinta em estado silvestre.

O impressionante edifício foi inaugurado em 1863, e sua estrutura de ferro e vidro foi desenhada pelo arquiteto Decimus Burton em 1860.
violência contra a mulher

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esporte
Jogos de Tóquio: dois meses após amputação, paratriatleta é prata
Política
Senado aprova PL sobre prioridade de vacinação da covid-19
Esporte
Russell substituirá Hamilton na Mercedes no GP do Sakhir
Alerta
Com avanço da Covid, Mato Grosso do Sul registra média de mil casos por dia
Campo Grande
Prosseguir: Governo volta a registrar municípios em grau de risco extremo
Saúde
Agências do Detran em Ladário e Mundo Novo suspendem atividades por suspeita de Covid-19 entre servidores
Política
Agehab notifica mutuários de Nova Andradina por inadimplência
Brasília
Senado inclui organizações sociais na suspensão de cumprir metasEu
Esporte
Barcelona deveria ter vendido Messi, diz presidente interino
Campo Grande
Estadual de Futebol 2020: empate por 1 a 1 garante classificação do Operário à semifinal