Menu
Busca Sáb, 24 de julho de 2021
(67) 9.9928-2002
BARRAGEM

Governo brasileiro estuda trocar diretoria da Vale

Barragem da mineradora rompeu em Brumadinho, Minas Gerais

29 janeiro 2019 - 13h15

O porta-voz da Presidência da República, Otávio do Rêgo Barros, confirmou que o governo federal estuda a possibilidade de trocar a diretoria da Vale, após a tragédia em Brumadinho, Minas Gerais.

"Estudos estão sendo aprofundados para que a decisão seja tomada adequadamente e naturalmente dentro dos ditames legais que regem o nosso dia a dia", disse Barros, em São Paulo.

Mais cedo, ontem, o presidente em exercício, Hamilton Mourão, disse que não tinha certeza se uma recomendação de afastamento poderia ser feita pelo Poder Executivo, mas garantiu que o tema está sendo analisado.

A possibilidade vem com o fato do governo brasileiro deter a "golden share" da empresa, o que poderia permitir a convocação da reunião do conselho. Uma barragem de rejeitos minerais da Vale na Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho, Minas Gerais, rompeu na última sexta-feira (25), causando uma das maiores tragédias ambientais e humanas da história do Brasil. Hoje, as equipes do Corpo de Bombeiros entram no quinto dia de buscas, com um balanço de 65 mortos e 279 desaparecidos.

 

 

 

 

fonte:épocanegocios/globo

violência contra a mulher

Deixe seu Comentário

Leia Também

Dourados
Agesul retira mais de 800 toneladas de lixo das margens da MS-156 em Dourados
Interior
SubsRacial leva Campanha Julho das Pretas a Rochedo, com temas de saúde e educação
Mato Grosso do Sul
Temperaturas voltam a subir e ar seco segue predominando nesta quarta-feira
Mato Grosso do Sul
Governo investe R$ 5,8 milhões na pavimentação da MS-455, criando novo acesso a Capão Seco
Interior
Corpo de Bombeiros monitora incêndios com imagens de satélite e amplia fiscalização em áreas de focos
Campo Grande
Até quando a massa de ar frio polar vai atuar em Mato Grosso do Sul?
Esportes
Hoje é Dia: nota 10 de Comaneci e Dia do Futebol marcam semana
Saúde
Covid-19: Brasil soma 541,2 mil mortes e vai a 19,3 milhões de casos
Violência
Em vídeo exclusivo, DJ Ivis pede perdão a Pamella e a todas mulheres
Tempo
Ela vem: frente fria vai derrubar temperaturas para menos de 3ºC e causar geada em MS, diz previsão