Menu
Busca Ter, 26 de janeiro de 2021
(67) 9.9928-2002
Saúde Pública

Hospital Albert Einstein já registra centenas de pessoas infectadas com o Coronavirus

13 março 2020 - 11h11Por Plantão de Notícias

Primeiro hospital a confirmar casos do novo coronavírus no Brasil, o Albert Einstein, de São Paulo, já atestou que 98 pessoas tiveram resultado positivo para a covid-19 até a noite de ontem.

Alguns desses casos ainda não constam no levantamento do Ministério da Saúde, que, até a última atualização, das 16h20 ontem, apontava haver 77 em todo o país. Os números serão atualizados pelo governo federal na tarde de hoje.

Somente entre quarta-feira e quinta-feira, o hospital paulista confirmou 55 novos casos, mas não é possível saber quantos estão na conta da pasta.

O Einstein tem feito o levantamento dos casos desde 24 de fevereiro. Até as 19h30 de ontem, o hospital realizou 3.367 exames para o novo coronavírus. Ou seja, 2,9% testaram positivo, considerando os 98 casos confirmados. O primeiro caso da covid-19 foi um homem de 61 anos que havia viajado para a Itália. Quando voltou ao Brasil, ele passou por exames no Einstein e testou positivo para o novo coronavírus.

 

pedofilia

Deixe seu Comentário

Leia Também

Janeiro registra mais de 460 óbitos por coronavírus e já é o 3º pior mês da pandemia
Tempo
Terça-feira de tempo claro, calor e pancadas de chuva à tarde
Campo Grande
Casa de Evento na MS-080 reuniu cerca de 15 mil pessoas no sábado no Show de dupla sertaneja
Fronteira
"Gringo Gonzales", considerado um dos mais temidos do mundo do crime, foi preso em PJC.
Fronteira
Pistoleiro que executou policial paraguaio foi preso e transferido para Assunção.
Campo Grande
Festa com aglomeracão é flagrada e organizadores vão parar na polícia.
Oxigênio
Caminhões com carga de oxigênio chegam a Manaus
Covid 19 em MS
Número de casos de Covid-19 continua alto na maioria das cidades do Estado
Vacina
Fiocruz negocia mais 15 milhões de doses de vacina da AstraZeneca
Acidente
Avião cai em TO com jogadores e presidente do Palmas Futebol