Menu
Busca Sex, 23 de julho de 2021
(67) 9.9928-2002

Juiz vira alvo do CNJ por pedir até foto de biquíni a estagiária

Magistrado é acusado de assédio sexual e remoção de servidores irregularmente

06 fevereiro 2019 - 08h40

Pedidos de encontro e até de fotos de biquíni de estagiária levaram o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) a decidir afastar e abrir processo administrativo disciplinar contra o juiz Glicério de Angiólis Silva. O magistrado é  acusado de assédio sexual e moral nas comarcas de Miracema e Laje de Muriaé, interior do estado. 

As denúncias foram feitas pelo Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário do Estado do Rio de Janeiro (Sind-Justiça), em 2016, mas arquivada pelo Tribunal de Justiça.  De acordo com o processo, o juiz era alvo de dez acusações, entre elas, falta de urbanidade com advogados e servidores, remoção irregular de servidores, além de assédio sexual contra duas estagiárias.

Para a conselheira Iracema do Vale é preciso aprofundar as investigações. Ela ressaltou que há divergências entre a forma como o TJRJ descreve a conduta do juiz, baseado em determinados depoimentos que afastam a sua irregularidade, e a forma descrita pelas Corregedorias do tribunal do Rio e do CNJ. “Inadmissível que um magistrado, investido regularmente de suas funções jurisdicionais, venha a portar-se de forma censurável, ainda mais em seu local de trabalho. Espera-se moderação, equilíbrio e sobriedade para a preservação da autoridade do cargo”, enfatizou.

Em um dos depoimentos, uma estagiária foi taxativa ao relatar "que, em determinada ocasião, enquanto se discutia a divisão normal de tarefas, o Magistrado, ao final pediu uma foto de biquíni (...), o que foi recusado; (...)”.

 

 

fonte:justiçaecidadania

violência contra a mulher

Deixe seu Comentário

Leia Também

Dourados
Agesul retira mais de 800 toneladas de lixo das margens da MS-156 em Dourados
Interior
SubsRacial leva Campanha Julho das Pretas a Rochedo, com temas de saúde e educação
Mato Grosso do Sul
Temperaturas voltam a subir e ar seco segue predominando nesta quarta-feira
Mato Grosso do Sul
Governo investe R$ 5,8 milhões na pavimentação da MS-455, criando novo acesso a Capão Seco
Interior
Corpo de Bombeiros monitora incêndios com imagens de satélite e amplia fiscalização em áreas de focos
Campo Grande
Até quando a massa de ar frio polar vai atuar em Mato Grosso do Sul?
Esportes
Hoje é Dia: nota 10 de Comaneci e Dia do Futebol marcam semana
Saúde
Covid-19: Brasil soma 541,2 mil mortes e vai a 19,3 milhões de casos
Violência
Em vídeo exclusivo, DJ Ivis pede perdão a Pamella e a todas mulheres
Tempo
Ela vem: frente fria vai derrubar temperaturas para menos de 3ºC e causar geada em MS, diz previsão