Menu
Busca Sáb, 31 de julho de 2021
(67) 9.9928-2002
RELIGIÃO

MAIS UM MISSIONÁRIO ENTROU EM CONTATO COM TRIBOS ISOLADAS

30 janeiro 2019 - 16h20

Há poucos meses, um missionário cristão morreu na região Asiática da Terra, após tentar catequizar uma tribo extremamente isolada e selvagem. Jonathan Chau fez todo o percurso sozinho e, chegando perto, levou uma flechada dos povos indígenas.

Mesmo com um espaço de tempo tão curto, a história se repetiu novamente. Um comissário americano veio até terras brasileiras, entrou numa floresta tropical e tentou em contato com uma das tribos isoladas daqui.

 

Invasão

A tribo Hi-Merimã é uma das poucas na região em que se encontra, que ainda não mantêm contato com a "civilização ambiental". Steve Campbell, um missionário cristão do Maine, estava entrando na região, quando foi descoberto pela Funai, departamento responsável pelos assuntos indígenas no Brasil.

"Se for estabelecido na investigação que havia interesse do missionário em fazer contato, ele poderia ser acusado do crime de genocídio ao expor deliberadamente a segurança e a vida do Hi-Merimã", disse Bruno Pereira, coordenador geral da FUNAI, em entrevista à Reuters.

O contato com a tribo é proibido, pois a chance de levarmos alguma doença para eles é altíssima. Isso é uma consequência do fato de, devido ao pouco contato com outros grupos, sua imunidade é fraquíssima e limitada. "Mesmo que o contato direto não tenha ocorrido, a probabilidade de transmissão de doenças aos isolados é alta", disse um porta-voz da FUNAI.

 

Hi-Merimã

Hoje nós não sabemos quantos são os membros da tribo Hi-Merimã. A última estimativa foi feita em 1943, e naquela época, era por volta de 1.000 integrantes. Eles vivem ao longo do rio Piranhas, no estado do Amazonas, e seu contato com pessoas que não são da tribo é limitado, até mesmo quando estamos falando de outras tribos.

O missionário defendeu sua posição na região devido ao fato de estar indo ao seu destino. Ele mora há décadas numa casa de uma tribo vizinha chamada Jamamadi. Ele chegou a prometer não passar mais pela região. Ainda não sabemos se ele chegou a entrar em contato com a tribo. Com informações, Fatos Desconhecidos.

 

CORONA 3

Deixe seu Comentário

Leia Também

Mato Grosso do Sul
Inscrições prorrogadas para a segunda edição do Prêmio Inova
Oportunidade
Estão abertas as inscrições para curso de idiomas na UEMS
Brasília
PP não vai aceitar filiação de Bolsonaro
Dourados
Agesul retira mais de 800 toneladas de lixo das margens da MS-156 em Dourados
Interior
SubsRacial leva Campanha Julho das Pretas a Rochedo, com temas de saúde e educação
Mato Grosso do Sul
Temperaturas voltam a subir e ar seco segue predominando nesta quarta-feira
Mato Grosso do Sul
Governo investe R$ 5,8 milhões na pavimentação da MS-455, criando novo acesso a Capão Seco
Interior
Corpo de Bombeiros monitora incêndios com imagens de satélite e amplia fiscalização em áreas de focos
Campo Grande
Até quando a massa de ar frio polar vai atuar em Mato Grosso do Sul?
Esportes
Hoje é Dia: nota 10 de Comaneci e Dia do Futebol marcam semana