Menu
Busca Sb, 18 de janeiro de 2020
(67) 9.9928-2002
Fatalidade

Motorista de carreta estava bêbado e provocou acidente que matou casal e filha de 4 anos

05 abril 2018 - 17h04Por Redação Notícias VIP
O acidente que matou um casal e a filha deles, de 4 anos, foi provocado pelo motorista de uma carreta que invadiu a pista contrária e bateu de frente com o carro onde a família estava. O acidente ocorreu no dia 27 de março na BR-163 em Sorriso, a 420 km de Cuiabá.

Morreram no acidente Lucas Buffon, de 29 anos, e a mulher dele, Poliana de Lara Martins Pinto, de 24 anos. A filha deles morreu no Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá (PSMC) dias após o acidente.

A conclusão e os detalhes do acidente constam no laudo da Perícia Oficial Técnica (Politec), divulgado nessa quarta-feira (4).

O documento aponta que o motorista da carreta, Douglas Fabrício da Silva, de 36 anos, foi quem invadiu a pista contrária e bateu de frente com o carro onde estava a família. A perícia detalhou que o motorista do carro, Lucas Buffon, tentou desviar, mas teve o seu carro atingido quando estava no acostamento, do lado direito da pista.

A princípio, a informação era de que o carro da família teria colidido de frente com a carreta que seguia no sentido contrário. Porém, após analisar todos os elementos, a perícia constatou que foi o carro que foi atingido.

O motorista da carreta fez o teste do bafômetro e a Polícia Rodoviária Federal constatou que ele estava dirigindo embriagado. O teste apontou 0,61 miligramas de álcool por litro de ar expelido, sendo que é considerado crime volume acima de 0,34 miligramas.

Ele chegou a ser preso e o delegado Nilson Farias arbitrou uma fiança no valor de 100 salários-mínimos, o que corresponde a R$ 95,4 mil.

Em audiência de custódia, a Justiça reduziu a fiança para apenas um salário-mínimo, ou seja, R$ 954. Depois disso, o motorista foi liberado e dirigiu até o estado de São Paulo.

Ainda na delegacia, o condutor teria mentido sobre o acidente e afirmado que estava na pista certa e que o veículo da família teria invadido a via contrária e provocado a colisão.

Apenas uma das filhas do casal, de 3 meses, sobreviveu a essa tragédia. A família morava em Ibema, no Paraná, e estava passando as férias em Mato Grosso.
LIBERDADE DE EXPRESSÃO

Deixe seu Comentário

Leia Também

STF
DCM - Alexandre de Moraes revelado por tucanos, indicado por Temer, segura processo de Onix
Campo Grande
Ladrões são presos minutos após roubo
UFC
Cerrone admite surpresa com versão de Conor, mas frisa: "Não sei com o que ele me provocaria
Campo Grande
Tarado que estuprou a netinha foi preso flagrante
PRF
PRF: Apreensão de ouro, armas e muito dinheiro,
Campo Grande
Um diretor de jornal estava com a veterinária que faleceu, sob efeito de drogas
Polícia
Mais um "inocente" foi preso com droga
Brasília
Seguradora diz ter recebido 386 mil pedidos de restituição do Dpvat
Campo Grande
Veterinária morre depois de sair de motel em surto
Ciência
Cientistas ficam de cabelo em pé ao ver filhotes de lobo brincar de buscar bolas