Menu
Busca Seg, 09 de dezembro de 2019
(67) 9.9928-2002
Casa de Evo foi assaltada por adversários

O radicalismo da ultra direita e os traficantes dominaram a Bolívia

11 novembro 2019 - 20h13

Casa de Evo Morales é invadida e saqueada após renúncia

Residência em Cochabamba foi pichada e destruída. Ainda não se tem detalhes sobre o que foi levado e quantas pessoas participaram do ataque

Do R7, com EFE

11/11/2019 às 16h24 (Atualizado em 11/11/2019 às 16h24)

Após a renúncia de Evo Morales como presidente da Bolívia, o país foi palco de uma série de incêndios, saques e ataques a residências, incluindo a do próprio ex-governante

A capital La Paz e as cidades de El Alto e Cochabamba, entre outras das maiores do país, registram vários desses casos, e muitos bolivianos estão pedindo ajuda à Polícia e às Forças Armadas através das redes sociais

Jorge Abrego/ EFE - 11.11.2019

A capital La Paz e as cidades de El Alto e Cochabamba, entre outras das maiores do país, registram vários desses casos, e muitos bolivianos estão pedindo ajuda à Polícia e às Forças Armadas através das redes sociais

A casa de Evo, em Cochabamba, foi invadida e saqueada, os móveis revirados e destruídos. Manifestantes picharam a fachada e a parte de dentro da casa

Jorge Abrego/ EFE - 11.11.2019

A casa de Evo, em Cochabamba, foi invadida e saqueada, os móveis revirados e destruídos. Manifestantes picharam a fachada e a parte de dentro da casa

Ainda não se sabe o que foi levado da casa e nem a dimensão dos estragos causados por opositores

Jorge Abrego/ EFE - 11.11.2019

Ainda não se sabe o que foi levado da casa e nem a dimensão dos estragos causados por opositores

Manifestantes picharam a palavra 'assassino' em uma das paredes da casa de Evo

Jorge Abrego/ EFE - 11.11.2019

Manifestantes picharam a palavra "assassino" em uma das paredes da casa de Evo

LIBERDADE DE EXPRESSÃO

Deixe seu Comentário

Leia Também

Polícia
PM agredindo uma menina viralizou nas redes sociais
UFC
Jairzinho desfigurou seu oponente na principal luta de sábado
Milicianos
O poder Público ausente, com isso surgem os milicianos
Polícia
Caminhoneiro fica refém de ladrões do veículo
Campo Grande
Psicólogos fazem manifestação contra Trad
Causas sociais
Faleceu padre defensor dos indígenas paraguaios
Dourados
Sindicato fará ato contra atraso e parcelamento de salário de professores.
Campo Grande
Na época das eleições ele vai aparecer, aí ele terá o que merece.
Campo Grande
fogo no restaurante da rua sete
Política
Fake foi estratégia da eleição de Bolsonaro e seus seguidores do PSL.