Menu
Busca Qui, 23 de setembro de 2021
(67) 9.9928-2002
Inglaterra

Polícia acaba com festa de jovens ricos do Reino Unido

31 agosto 2020 - 06h00Por AB/Ebc Reuters
Reuters

A polícia interrompeu uma rave (evento de longa duração, geralmente acima de 12 horas) ilegal durante a madrugada em uma floresta na Região Leste da Inglaterra, dias depois de o governo britânico determinas medidas mais duras para combater "violações graves" das restrições contra covid-19, incluindo multas de 10 mil libras (US$ 13 mil).


Festa rave no Reino Unido

Dezenas de policiais, alguns segurando escudos de proteção, abordaram os participantes na floresta de Thetford, mas, apesar de algumas brigas, o grupo foi amplamente disperso de maneira pacífica. Não parece ter havido nenhuma prisão e a polícia desmontou o sistema de som.

Antes de um feriado bancário de três dias, o governo havia dito que "aqueles que facilitarem ou organizarem raves ilegais, eventos musicais não licenciados ou qualquer outra reunião ilegal de mais de 30 pessoas podem ser multados em 10 mil libras". “Eu entendo que as pessoas não deveriam se reunir em grupos de acima de 30, mas todos estão ansiosos para socializar e sair à noite”, disse um participante.

A polícia teve que interromper várias raves ilegais em outras partes da Inglaterra, enquanto o governo tenta um equilíbrio entre a abertura da economia, o afrouxamento de restrições e a proteção da saúde pública.

Agência Brasil/ Reuters

Deixe seu Comentário

Leia Também

Fogo
Combate aos incêndios no Pantanal mobiliza 510 homens e seis aeronaves: incidência de focos é menor em três anos críticos
Eleição 2022
Senado aprovou novo Código Eleitoral e vai à sanção presidencial.
Economia
Dólar fecha acima de R$ 5,30 após anúncio do Banco Central americano
CPI da Covid
CPI: diretor da Prevent Senior é acusado de mentir e passa à condição de investigado
Brasíl
Sem coligações, CCJ do Senado aprova PEC da reforma eleitoral
Polícia Federal
A Operação Apate cumpre mandados em São José dos Campos
Brasilia
CPI da Covid-19; início da sessão com "rasgação de seda" entre senadores da oposição tentando reverter a impressão negativa da briga causada por senadora e ministro
Brasília
Briga na CPI: presidente da CPi fala que Bolsonaro causa vergonha, senador Marcos Rogério rebate dizendo que a CPI da Covid que faz vergonha a muito tempo.
Tempo e temperatura
Primavera começa com tempo claro e ensolarado em Mato Grosso do Sul
Brasília
CPI termina com sessão em briga, agressão verbal entre senadores e Ministro da CGU.