Menu
Busca Ter, 21 de setembro de 2021
(67) 9.9928-2002
Paraguai

Ronaldinho Gaúcho e seu irmão vão algemados a prestar depoimento

08 março 2020 - 10h00Por Plantão de Notícias

Ronaldinho Gaúcho está preso juntamente com seu irmão e mais três mulheres paraguaia e um brasileiro dono de cassino em Asunción.

O empresário da jogatina no Paraguai já foi citado por ter vínculo com o falecido Janene - deputado federal envolvido em casos de corrupção, conforme desvendou a operação Lava Jato.

O que parece bizarro, na verdade, é a ponta de um iceberg de corrupção, lavagem de dinheiro, falsificação de documentos públicos e contrabando.

 

Ronaldinho Gaúcho usou documentos absolutamente falsos, bizarrice extremamente tosca, já que o jogador tem fama mundial. Só um inbecil para achar que iriam acreditar que o jogador seria paraguaio.

Agora está preso preventivamente porque se for solto e condenado não haveria cumprimento da pena, já que o domicílio do ex-jogador é no Brasil, que não deporta seus nacionais.

Ronaldinho Gaúcho bom no futebol, se mete em rolo por ganância ou burrice, ou as duas situações juntas, para vergonha do Brasil e Paraguai.

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ONU
Presidente faz discurso na Assembleia Geral das Nações Unidas
Abertura do evento é feita tradicionalmente pelo presidente do Brasil
Brasília
Senador quer convocar filho de Bolsonaro após provocação à CPI
Mato Grosso do Sul
Inverno se despede com temperaturas acima dos 40°C e umidade do ar em níveis críticos
Política
Transferência de pagamento de perícias médicas aos segurados do INSS é criticada em debare do Senado Federal.
Política
Deputados cassados por corrupção recebem aposentadoria de até R$ 23,3 mil pela Câmara
Brasíl
Pesquisadora explicou como governo favoreceu a circulação do vírus
Política
Maioria é a favor da regulamentação do lobby, revela DataSenado
PF
CPI recorreu à PF para obter documentos negados pela Precisa e pelo Ministério da Saúde
Brasil
Covid-19: Brasil tem 21,2 milhões de casos e 590,5 mil mortes
Brasília
Dia Mundial do Doador de Medula Óssea muda cores do Congresso Nacional