Menu
Busca Sáb, 24 de julho de 2021
(67) 9.9928-2002
CAPITAL

Agentes de saúde alegam desconto em salário e protestam na Prefeitura

Manifestação foi rápida e teve objetivo de pedir estrutura nos postos de saúde, para atender exigências

29 janeiro 2019 - 16h20

Pelo menos 480 agentes comunitários de saúde protestaram na frente da Prefeitura de Campo Grande, na Avenida Afonso Pena, nesta terça-feira (dia 29). A alegação é de que a categoria teve R$ 500 descontados das remunerações mensais, desde novembro, por não preencherem um formulário com informações de trabalho.

Segundo o presidente do Sisem (Sindicato dos Servidores Municipais), Marcos Tabosa, desde o fim de 2018, o governo federal estipulou o preenchimento de dados por meio do “E-SUS”. Contudo, a falta de estrutura de computador, papel, impressora, nos postos de saúde, de acordo com o dirigente, impediu o cumprimento da medida.

Antes desta exigência, os profissionais tinham de preencher sistema semelhante, só que vinculado ao Governo do Estado, o “E-Agente”, considerado menos complexo. O presidente do sindicato também afirma que os profissionais não foram capacitados para mexer no sistema do governo federal. Por não preencherem, parte do salário ligado à exigência foi cortado, alegam.

O protesto durou entre 10 e 15 minutos, justamente porque os agentes usaram o horário de almoço, por isso, não conseguiram falar com nenhuma autoridade da Prefeitura de Campo Grande. Eles prometem voltar em 12 de fevereiro, caso não obtenham respostas do Executivo municipal sobre a capacitação ao sistema e também estrutura nas unidades de saúde.

Os agentes são vinculados à Prefeitura de Campo Grande, mas também recebem verbas complementares ligadas aos governos estadual e federal. Segundo o Ministério da Saúde, o “E-SUS Atenção Básica de Saúde” é uma estratégia para reestruturar as informações do setor em nível nacional.

 

 

 

 

fonte:campograndenews

news

Deixe seu Comentário

Leia Também

Dourados
Agesul retira mais de 800 toneladas de lixo das margens da MS-156 em Dourados
Interior
SubsRacial leva Campanha Julho das Pretas a Rochedo, com temas de saúde e educação
Mato Grosso do Sul
Temperaturas voltam a subir e ar seco segue predominando nesta quarta-feira
Mato Grosso do Sul
Governo investe R$ 5,8 milhões na pavimentação da MS-455, criando novo acesso a Capão Seco
Interior
Corpo de Bombeiros monitora incêndios com imagens de satélite e amplia fiscalização em áreas de focos
Campo Grande
Até quando a massa de ar frio polar vai atuar em Mato Grosso do Sul?
Esportes
Hoje é Dia: nota 10 de Comaneci e Dia do Futebol marcam semana
Saúde
Covid-19: Brasil soma 541,2 mil mortes e vai a 19,3 milhões de casos
Violência
Em vídeo exclusivo, DJ Ivis pede perdão a Pamella e a todas mulheres
Tempo
Ela vem: frente fria vai derrubar temperaturas para menos de 3ºC e causar geada em MS, diz previsão