Menu
Busca Sex, 17 de setembro de 2021
(67) 9.9928-2002
Campo Grande

Assassinato nas Moreninhas, caminhoneiro leva três tiros.

20 novembro 2020 - 18h11Por Plantão de notícias - N.V.

Três homens se desentenderam e caminhoneiro identificado como Gilmar da Silva, 32, saiu em defesa do irmão viciado em drogas, quando recebeu três tiros e morreu no Conjunto Moreninhas, Campo Grande, MS.

O autor dos disparos fugiu do local, na companhia do pai, mas prometeu apresentar-se na polícia.

As testemunhas do crime foram encaminhadas à polícia, que fará oitiva das mesmas somente na segunda-feira.

Jaderson Miranda Perez, de 23 anos, se apresentou à polícia, na tarde desta sexta-feira (20). Ele é suspeito de atirar e matar o caminhoneiro Gilmar da Silva, de 37 anos, na tarde de ontem (19), e esteve na 4ª Delegacia de Polícia Civil da Capital, acompanhado de advogado e outras duas pessoas. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Rio de Janeiro
Apoiadores de Bolsonaro fazem ato em Copacabana, no Rio de Janeiro
São Paulo
Manifestantes fazem ato na Av. Paulista a favor de Bolsonaro
Brasília
PM informa que restabeleceu bloqueio na Esplanada dos Ministérios
Tribunal de Justiça
Fux manda retirar bandeira do Brasil Império hasteada na sede do TJ de Mato Grosso do Sul
Brasília
Esplanada terá esquema especial de segurança para protestos deste feriado
Brasíl
7/9: Moraes bloqueia contas de acusados de organizar atos antidemocráticos
MS já vacinou 50% dos jovens de 12 a 17 anos contra covid com a 1° dose – Feriado
MS
Secretaria de Estado de Saúde confirma três casos da variante Delta em Mato Grosso do Sul
STF
Urgente: Moraes determina prisão de ex-PM que o ameaçou de morte
Meio Ambiente
Ganhou prazo para resolver o problema, sob pena de multa e improbidade do prefeito