Menu
Busca Sex, 15 de janeiro de 2021
(67) 9.9928-2002
Vitória do cliente

Banco é condenado a pagar indenização a cliente que esperou 2h43 em fila

02 maio 2018 - 09h04Por Alcides Bernal
Desembargadores da 4° Câmara Cível decidiram negar uma apelação do Banco Bradesco contra uma sentença que condenou uma de suas agências a pagar indenização de R$ 4 mil reais a uma cliente que esperou atendimento por mais de duas horas em fila. Além da indenização, o banco deverá pagar juros de mora de 1% ao mês e às custas processuais no valor de R$ 1.500,00.

 

Em fevereiro de 2016, a autora da ação foi até uma agência do banco localizada na rua Barão do Rio Branco e esperou por atendimento das 15h04 até às 17h47, o que vai contra a legislação vigente. Segundo a lei municipal n° 4.303/2005, o prazo de espera dos usuário em filas é de até 15 minutos em dias normais e, 25 minutos em vésperas de feriados ou após feriados prolongados.

 

O banco tentou apelar contra a decisão em primeiro grau e diminuir o valor da indenização, porém para o relator do processo, Desembargador Amaury da Silva Kuklinski, ficou claro que o tempo máximo permitido foi extrapolado. Já sobre a redução, Kuklinski afirmou que o valor não merece ser reduzido por ser adequado e justo aos transtornos causados.

 

(Ante o exposto, conheço do recurso de apelação e nego-lhe provimento, mantendo a sentença atacada. Com espeque no § 11 do artigo 85 do CPC (que discorre em relação à atuação do advogado quando há elevação do grau recursal), majoro os honorários para o patamar de R$ 1.800,00), disse o magistrado.
racismo

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasíl
Covid-19: Brasil tem 8,39 milhões de casos e 208,1 mil mortes
Oportunidade
Eldorado Brasil abre 800 vagas de emprego em três unidades de MS
Colapso
Manaus vai transferir 235 pacientes com covid-19 para oito estados
Covid 19
São Paulo retorna a fases mais restritivas de plano contra a covid-19
Covid 19 em MS
MS chega à metade de janeiro com 272 mortes por Covid-19
Sangue
Com estoque em 14%, Hemosul convoca doadores de O- e outras tipagens sanguíneas
Campo Grande
Enfermeiros foram mortos por Covid 19 na Santa Casa de Campo Grande
Campo Grande
Trad está omitindo-se de combater os focos de Dengue na capital
Dourados
Enfermeiros cobram pagamento salário de prefeito Alan Guedes (PP) em Dourados.
Vacina
SES faz reunião para tratar sobre logística da chegada da vacina contra Covid-19 em Mato Grosso do Sul