Menu
Busca Sex, 15 de janeiro de 2021
(67) 9.9928-2002
CAPITAL

Buraco na Lúdio Martins Coelho fura cinco pneus de uma vez só e vira 'alegria do borracheiro'

Por Carol Assis
Um buraco na avenida Lúdio Martins Coelho, próximo ao semáforo da entrada do bairro União, em Campo Grande, tem causado furos de pneus em série. Só no  fim da semana passada, foram cinco de uma vez só e quem lucra mesmo é o borracheiro.

Relatos sobre o problema não faltam. O pedreiro Wilson Benitez, 59 anos, diz que os furos nos pneus são constantes no local. É comum nessa região,diz ele, ver carros parados com motoristas buscando o pneus reserva. Ele mora em um rancho em frente ao local problemático.

A professora Matildes Lima, 44 anos, relata que seguia normalmente pela via, mas como está à noite, os buracos ficaram imperceptíveis.

Quando vi estava em cima do buraco, não dava para desviar porque poderia causar um acidente maior. Fez um estouro, estacionei e vi que o pneu do carro estourou, vou ter de comprar outro, lamentou a motorista.

Ela e demais vítimas do buraco 'amigo do borracheiro' estudam se mobilizar para entrar com uma ação judicial contra a prefeitura de Campo Grande.

Por volta das 19h, em pouco tempo, foram contabilizados cinco carros com problemas. A imagem era a mesma: motoristas com ferramentas nas mãos e lamentando o descaso do poder público. Todos eles estacionados no trecho entre as Ruas Mogi Mirim e Petrópolis.
violência contra a mulher 2

Deixe seu Comentário

Leia Também

Internacional
China está ganhando guerra comercial e as exportações nunca foram tão altas
MS
Segunda etapa de pré-matrícula da REE se encerra nesta sexta
Mundo
Terremoto na Indonésia mata pelo menos 35, fere centenas
Concurso
Edital Polícia Federal: SAIU! 1.500 vagas na PF! Veja AQUI!
Oportunidade
Com 1.101 vagas, inscrição para vestibular UEMS 2021 vai até 24 de janeiro
Ferrovia
CAF vai financiar projeto de viabilidade da relicitação da ferrovia Malha Oeste
Tempo
Fim de semana será de tempo instável e temperaturas amenas
Colapso
Amazonas decreta toque de recolher devido a covid-19
Dourados
Prefeito Alan Guedes paga só 85% da folha de dezembro dos funcionários.
Municipiis
Frente de prefeitos: há seringas suficientes para começar vacinação