Menu
Busca Sex, 14 de agosto de 2020
(67) 9.9928-2002
Campo Grande

Confirmado, menino morreu vítima da Dengue

10 fevereiro 2020 - 20h00Por Denúncia

Exame de contraprova realizado pela Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) nesta segunda-feira (10) confirmou que o Eduardo Borges Ortega, de 9 anos, morreu por dengue tipo 2, mesmo sorotipo da epidemia que atingiu Campo Grande no ano passado.

O vírus tem quatro sorotipos, de 1 a 4. Cada vez que uma pessoa adquire essa infecção, ela produz anticorpos que atuam contra o tipo específico, mas pode propiciar uma reação mais intensa do organismo quando há nova infecção por outro tipo de vírus da dengue.

A criança deu entrada na Santa Casa por volta das 11h de domingo e morreu uma hora e meia depois de dar entrada na unidade de saúde. O exame realizado pelo hospital já havia apresentado resultado positivo para dengue.

"Prefeito Marcos Trad não está dando importância à Dengue, pois a cidade está repleta de lixo, mato e buracos. Quem sabe com a morte da criança ele tenha consciência pesada e trabalhe", disse uma enfermeira da capital.

A morte de Eduardo pode ser a 11ª no Estado e a 3ª em Campo Grande somente neste ano. As outras vítimas da doença transmitida pelo mosquito Aedes aegypti na Capital são um homem de 30 anos e uma idosa de 74 anos.

A mãe de Eduardo reclama que ele foi liberado três vezes na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Coronel Antonino antes de ser internado na Santa Casa. Os primeiros sintomas da doença aparecem na quinta-feira, com quadro de febre. Segundo a mãe, ele fez exame de sangue e retornou para casa.

No dia seguinte, foi atendido novamente e liberado. A mãe relata que a criança acordou passando mal no sábado e já foi levado para a emergência. “A médica já passou soro e outro médico liberou a noite”, disse a costureira Eliane de Souza Borges.

Quando voltou para casa, o filho piorou e precisou retornar para a UPA no domingo. Ela diz que a criança teve duas paradas cardiorrespiratórias e foi reanimado e em sequência levado para a Santa Casa.

A Sesau informou que será apurado o procedimento realizado durante os atendimentos na unidade municipal. A assessoria de comunicação da pasta disse ainda que serão intensificadas as ações de visitações nas casa do Bairro Morada Verde, onde ele residia, para eliminação de focos do mosquito.

 

Com informações do Campo Grande news

RACISMO NÃO!

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
Senado aprova auxílio de R$ 600 para trabalhadores do esporte Medida beneficia todos os funcionários do setor
Brasil
Brasil ocupa 4ª posição no primeiro índice iberoamericano sobre Govtec
Geral
Moro vai enfrentar a OAB
Polícia
PF cumpre 36 mandados de prisão em oito estados e no DF
Esporte
Atlético-GO supera Flamengo, que continua sem pontuar no Brasileiro Em Salvador, Bahia vence Coritiba por 1 a 0
Esporte
Brasileiro: Atléticos vencem e Botafogo empata na abertura da rodada
Esportes
PSG vence Atalanta no fim e vai à semifinal da Liga dos Campeões
Esportes
Treze abre vantagem sobre rival Campinense na final do Paraibano
Política
Ricardo Barros deputado federal pelo Paraná será o líder do centrão do Bolsonaro
Brasíl
Disputa pelo vice da Fórmula E embola em prova ruim para brasileiros Oliver Rowland vence. Di Grassi, Massa e Sette Câmara ficam em branco