Menu
Busca Sex, 23 de julho de 2021
(67) 9.9928-2002

Estupro de irmãs abusadas pelo pai foi descoberto durante conversa de amigas sobre sexo

Suspeito obrigava irmãos a abusarem de menina de 9 anos

29 janeiro 2019 - 12h30

Investigações apontaram que o estupro das irmãs de 8 e 9 anos, abusadas sexualmente pelo pai, um pedreiro de 31 anos, foi descoberto no momento em que a sobrinha da mãe da garota e uma amiga conversavam sobre sexo. O suspeito foi preso na manhã desta segunda-feira (28) no Bairro Aero Rancho, em Campo Grande.

“As amigas estavam conversando sobre sexo quando a menina mais velha se aproximou. Uma delas sinalizou para encerrar o assunto porque a criança estava perto e, neste momento, a menor de idade disse que elas não precisavam mudar o tema da conversa porque ela já entendia sobre o assunto”, explica a delegada Anne Karina Trevizan, responsável pelo caso.

Desconfiada, a menina conversou com a vítima que acabou contando que ela e a irmã eram abusadas. Depois de saber sobre o crime, a sobrinha procurou a mãe das menores de idade para contar sobre o que havia descoberto, momento em que o crime veio à tona.

De acordo com a delegada a menina de 9 anos era abusada sexualmente pelo pai há aproximadamente dois anos. O autor também obrigava os irmãos da vítima, de 11 e 15 anos, a abusarem da garota.  A outra menina, de 8 anos, já havia sido tocada pelo suspeito.

Ao todo, oito pessoas foram ouvidas no caso. O autor, indiciado por estupro de vulnerável, nega o crime.

A delegada explica que, mesmo depois de o pai parar de obrigar que os filhos abusassem da irmã, os garotos continuaram a manter relações com a garota. “O adolescente vai responder por ato infracional porque continuou a abusar da irmã mesmo quando não era obrigado. Já  o de 11 continua sendo vítima por causa da idade”, afirma.

 

O caso

Pedreiro de 31 anos foi preso na manhã desta segunda-feira (28), no Bairro Aero Rancho, em Campo Grande, suspeito de estuprar as filhas de 8 e 9 anos e obrigar que o filho, um adolescente de 15 anos, e o enteado, de 11 anos,  também abusassem das irmãs. O caso foi denunciado à polícia pela mãe das crianças, com quem o autor era casado há 12 anos.

De acordo com informações da Depca (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente), responsável pelo caso,  no último dia 13 uma sobrinha da mãe das crianças a questionou sobre o crime. Para a mulher, a adolescente teria dito que as crianças haviam comentado com ela sobre os estupros e dito que, inclusive, os irmãos também eram obrigados a abusar delas.

Assustada, a mulher negou que soubesse dos fatos  e disse que sempre perguntava às menores se alguém já havia mexido com elas, no entanto, que as garotas sempre negavam.

Assustada com a revelação, a mãe conversou com as filhas que confirmaram sobre os abusos sexuais que, segundo elas, já teria acontecido por duas vezes. Para a mulher, a garota de 8 anos disse que o pai já havia a tocado.

O filho de 15 anos também confirmou o crime para a mãe e disse que era ameaçado e obrigado pelo autor a abusar da irmã mais velha. O adolescente revelou que também já tinha sido abusado pelo pai e que nunca contou sobre os crimes porque todos eram ameaçados pelo suspeito que prometia matar a mãe dos menores caso alguém fosse informado.

 

Informação Midiamax

CORONA 3

Deixe seu Comentário

Leia Também

Dourados
Agesul retira mais de 800 toneladas de lixo das margens da MS-156 em Dourados
Interior
SubsRacial leva Campanha Julho das Pretas a Rochedo, com temas de saúde e educação
Mato Grosso do Sul
Temperaturas voltam a subir e ar seco segue predominando nesta quarta-feira
Mato Grosso do Sul
Governo investe R$ 5,8 milhões na pavimentação da MS-455, criando novo acesso a Capão Seco
Interior
Corpo de Bombeiros monitora incêndios com imagens de satélite e amplia fiscalização em áreas de focos
Campo Grande
Até quando a massa de ar frio polar vai atuar em Mato Grosso do Sul?
Esportes
Hoje é Dia: nota 10 de Comaneci e Dia do Futebol marcam semana
Saúde
Covid-19: Brasil soma 541,2 mil mortes e vai a 19,3 milhões de casos
Violência
Em vídeo exclusivo, DJ Ivis pede perdão a Pamella e a todas mulheres
Tempo
Ela vem: frente fria vai derrubar temperaturas para menos de 3ºC e causar geada em MS, diz previsão