Menu
Busca Dom, 08 de dezembro de 2019
(67) 9.9928-2002
Pastor pedófilo

Mais um evangelizador é preso por assédio e estupro de vulnerável

15 agosto 2019 - 13h13

A Polícia Civil suspeita de que um rapaz de 22 anos, que enganava cristãos em igrejas de Mato Grosso do Sul dizendo que era evangelizador, tenha abusado de cerca de 30 crianças. Os crimes começaram quando ele tinha apenas 13 anos de idade, conforme a investigação. O ‘evangelizador’ foi preso nesta terça-feira (13) na cidade de Chapadão do Sul, após força-tarefa das polícias de MS e Goiás.

Cinco abusos foram confirmados até o momento, mas a polícia acredita que o homem fez vítimas em várias cidades do estado. Ele tem passagens na polícia por estupro de vulnerável, atentado violento ao pudor e estava com mandado de prisão em aberto, já que um dos crimes ocorreram quando ele era maior de idade. A vítima era uma criança de 8 anos.

Conforme a investigação, a equipe do SIG (Setor de Investigações Gerais) já fazia diligências após receber pistas do paradeiro do homem, que não tinha residência fixa. A polícia também suspeita de que ele integre uma rede de pedofilia.

O primeiro crime ocorreu em Chapadão do Sul, quando uma criança foi abusada pelo rapaz. Em 2013, um menino de 9 anos foi vítima, quando o autor já estava com 15 anos de idade. Ele também fez vítimas em 2014, 2016 e 2017. Os crimes ocorreram em Campo Grande, Dourados e Três Lagoas. As crianças tinham entre 2 e 5 anos de idade.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Fake foi estratégia da eleição de Moro
Animais
Cachorro perdido a um ano regonhe seu dono
ENERGISA
Energisa é campeã em desrespeito ao consumidor
Caso Daniel
A Justiça é uma coisa, não confunda, pois Judiciário é outra coisa
Fronteira violenta
A cabeça foi cortada ao meio e estava com as outras partes do corpo no tambor.
Campo Grande
Para vender áreas públicas Trad vai acertar projeto de lei com vereadores
Campo Grande
Trad e seus vereadores vão gastar em propaganda e festas, entre outros fins, remanejam 240 milhões
Campo Grande
Trad e suas taxas para o povo pagar
Fronteira
"Quero a cabeça de meu filho" disse a mãe desconsolada
Inflação
A carne foi o item que mais subiu o preço