Menu
Busca Seg, 20 de janeiro de 2020
(67) 9.9928-2002
Campo Grande

Moradora do Bairro São Francisco e dois jardineiros são autuados por crime ambiental

15 janeiro 2020 - 16h32Por Plantão de Noticias

A Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Ambientais e de Atendimento ao Turista (Decat), flagrou poda ilegal de árvores, nesta quarta-feira (15), no bairro São Francisco, em Campo Grande. Testemunhas disseram que apesar da sombra proporcionada pelas plantas, moradora reclamava da sujeira.

Dois jardineiros a moradora que os contratou para fazer a poda vão responder criminalmente por utilização ilegal de motosserra e corte de árvore em via pública sem a devida autorização.

A polícia foi ao local após denúncias. Quando os policiais chegaram, os jardineiros já tinham podado duas árvores da espécie Oiti de quase 20 metros cada e cortavam a terceira.

Os jardineiros falaram para a polícia que foram contratados por R$ 1,8 mil e já tinham recebido antecipado R$ 300. A moradora não estava em casa e será chamada para depoimento.

 

G1

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
Aos 466 anos, cidade de São Paulo tem 11,8 milhões de habitantes
Geral
Começa hoje pagamento do Bolsa Família
Dourados
Filha espanca a mãe com socos e chutes
Rio Brilhante
Homem esfaqueia criança e leva 6 facadas da irmã
Interior
Corrupção permitiu fuga de integrantes de PCC
Campo Grande
Trad quer aumentar para R$4,10 tarifa de ônibus
Educação
Estudantes podem se increver no Sisu a partir desta terça-feira
Campo Grande
Trad se omite em fazer manutenção nas praças publicas
Campo Grande
Sujeira tradicional em Campo Grande
Evangélicos Bolsonaro
Pastor evangélico é um dos agressores de manifestantes que protestavam contra Damares em São Carlos (SP)