Menu
Busca Qua, 28 de outubro de 2020
(67) 9.9928-2002
Ação Judicial

MP pode entrar com ação judicial contra prefeitura de Campo Grande

14 abril 2018 - 21h36Por Redação Notícias VIP
O MP-MS (Ministério Público Estadual) recomendou que a Prefeitura de Campo Grande anule três processos seletivos simplificados destinados à contratação de músicos de orquestra, de enfermeiros e de entrevistadores sociais.

A recomendação foi publicada pelo órgão em Diário Oficial no sábado (14), após o MP-MS ter instaurado uma investigação requerendo informações à Prefeitura sobre a necessidade do uso de processos seletivos simplificados para as contratações.

Os processos seletivos simplificados teriam contratação temporária. Segundo o MP-MS, a Lei Complementar Municipal 190/2011 determina que contratos temporários devem ocorrer somente em situações emergenciais, quando há necessidade de contratações para que serviços essenciais não sejam interrompidos.

Ainda de acordo com o órgão, a Prefeitura apresentou justificativas, mesmo assim ?não foi possível identificar a necessária motivação do ato administrativo que deliberou pela abertura de ?processo seletivo simplificado??.

O MP-MS ainda aponta que a seleção aberta em dezembro para enfermeiros, com 80 vagas e contrato temporário de um ano, estaria ilegal, uma vez que há concurso público para o cargo de enfermeiro vigente até 30 de junho deste ano.

O órgão recomendou à Prefeitura que revoguem os editais das três seleções, ato que deve ser informado em prazo de 15 dias. Se não houver resposta da administração municipal, o MP-MS informa que pode entrar com uma ação judicial.

Com informações do Midiamax
RACISMO NÃO!

Deixe seu Comentário

Leia Também

Agências do INSS funcionam normalmente nesta quarta
Brasíl
Novo caça Gripen F-39E é apresentado a autoridades em Brasília
TSE
Deputado federal é cassado por abuso de poder econômico e propaganda indevida
Economia
Confira os fatores que devem mexer com o mercado do milho na próxima semana
Polícia
DOF apreende 3 toneladas de drogas, mais de 70 mil pacotes de cigarros e armas nos últimos dias
Polícia
Acusado de matar ator e pais em SP disse que morou em MS para obter RG falso
Polícia federal
Polícia Federal apreende 1,8 mil pacotes de cigarros ilegais no Paraná
Brasíl
Incêndio atinge hospital no Rio de Janeiro e duas pacientes com Covid-19 morrem
Fortaleza-CE
PF realiza operação contra suspeito de fraudar Auxílio Emergencial
Brasil
PF combate grupo criminoso que atuava com garimpo ilegal em Pernambuco