Menu
Busca Sáb, 24 de julho de 2021
(67) 9.9928-2002
Daruk

Operação da Polícia Federal que apreendeu material pornográfico infantil em MS começou na Suíça

Analises dos peritos feitas na casa de um dos suspeitos apontam que ele possa fazer parte de uma rede internacional de pedofilia.

22 fevereiro 2019 - 07h00

A Operação Daruk que identificou três pessoas que estariam armazenando e compartilhando pornografia envolvendo crianças e adolescentes em Mato Grosso do Sul, começou com uma investigação da Polícia Suiça, em 2016. A informação foi divulgada na quinta-feira (21) pela Polícia Federal de Três Lagoas.

De acordo com o delegado Caio Martins de Lima, policias suiços identificaram uma pessoa que armazenava e repassava material pornográfico para computadores do Brasil. Os endereços verificados apontaram recebedores desses arquivos em Água Clara (MS) e Guia Lopes da Laguna (MS).

Um dos suspeitos, um homem, de 42 anos, confessou que baixou o material, mas negou que teria compartilhado. Analises dos peritos feitas na casa dele apontam a possibilidade que o suspeito possa fazer parte de uma rede internacional de pedofilia.

"Estamos convencidos que ele realizou pelo menos dois compartilhamentos de imagem de pornografia infantil na internet", afirmou o delegado.

A PF aguarda a perícia de todo o material apreendido durante a operação para aprofundar as investigações.

A operação
A Polícia Federal deflagrou na quarta-feira (20) a Operação Daruk. Os agentes cumpriram dois mandados de busca e apreensão nas cidades de Água Clara (MS) e Guia Lopes da Laguna (MS). Nos dois locais, foram apreendidos computadores, celulares e mídias contendo arquivos contendo imagens de pornografia infantil.

O principal suspeito, um homem de 42 anos foi ouvido pela polícia e liberado. A PF disse que outras pessoas podem estar envolvidas no caso e que dará prosseguimento na operação nos próximos dias. Todo material apreendido será periciado. A pena pela divulgação de imagens pornográficas envolvendo crianças e adolescentes é de 3 a 8 anos de prisão.

violência contra a mulher

Deixe seu Comentário

Leia Também

Dourados
Agesul retira mais de 800 toneladas de lixo das margens da MS-156 em Dourados
Interior
SubsRacial leva Campanha Julho das Pretas a Rochedo, com temas de saúde e educação
Mato Grosso do Sul
Temperaturas voltam a subir e ar seco segue predominando nesta quarta-feira
Mato Grosso do Sul
Governo investe R$ 5,8 milhões na pavimentação da MS-455, criando novo acesso a Capão Seco
Interior
Corpo de Bombeiros monitora incêndios com imagens de satélite e amplia fiscalização em áreas de focos
Campo Grande
Até quando a massa de ar frio polar vai atuar em Mato Grosso do Sul?
Esportes
Hoje é Dia: nota 10 de Comaneci e Dia do Futebol marcam semana
Saúde
Covid-19: Brasil soma 541,2 mil mortes e vai a 19,3 milhões de casos
Violência
Em vídeo exclusivo, DJ Ivis pede perdão a Pamella e a todas mulheres
Tempo
Ela vem: frente fria vai derrubar temperaturas para menos de 3ºC e causar geada em MS, diz previsão