Menu
Busca Sb, 07 de dezembro de 2019
(67) 9.9928-2002
Política

PSDB anunciará apoio à reeleição de Trad para prefeito da capital

03 dezembro 2019 - 08h00Por Redação

Principal liderança tucana em Mato Grosso do Sul, o governador Reinaldo Azambuja já escolheu a data em que vai sacramentar o esperado apoio a Marquinhos Trad (PSD) para a reeleição no ano que vem.

A data prevista, conforme apurou o Campo Grande News, é 12 de dezembro, quando seu partido faz a última reunião prevista de 2019.

Os sinais de Reinaldo de que vai subir no palanque do atual prefeito da Capital em 2020 vem sendo dados há muito tempo, com os dois ressaltando parcerias para investimento na cidade e trocando elogios. Na sexta-feira, 29 de novembro, o governador fez questão de prestigiar a inauguração da “nova 14 de Julho”, obra emblemática da gestão de Marquinhos.

Para chegar a tempo, Reinaldo enfrentou um voo de 4 horas, entre Campo Grande e São Luiz do Maranhão, onde participava de agenda do Consórcio Brasil Central.

Orientação – Na semana passada, o presidente da legenda, Sérgio de Paula, disse que o apoio só vai ser decidido em março, mas a reportagem apurou que Reinaldo pretende fazer isso antes.

Nacionalmente, o PSDB tem orientação de lançar candidatos em todas as cidades com mais de 100 mil habitantes, o incluiria Campo Grande e Dourados. Pelo que foi levantado, porém, o entendimento da cúpula do PSDB por aqui é que já existe um compromisso.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ENERGISA
Energisa é campeã em desrespeito ao consumidor
Caso Daniel
A Justiça e uma coisa e Judiciário é outra coisa
Fronteira violenta
A cabeça foi cortada ao meio e estava com as outras partes do corpo no tambor.
Campo Grande
Para vender áreas públicas Trad vai acertar com vereadores
Campo Grande
Trad e seus vereadores remanejam 240 milhões
Campo Grande
Trad e suas taxas para o povo pagar
Fronteira
"Quero a cabeça de meu filho" disse a mãe desconsolada
Inflação
A carne foi o item que mais subiu o preço
Fronteira
Dois assassinatos nesta sexta na fronteira
Judiciário
O magistrado corrupto é um "câncer" no judiciário