Menu
Busca Seg, 16 de setembro de 2019
(67) 9.9928-2002
CAPITAL

Radares começam a multar em mais cinco pontos da Capital

Desde o dia 7 de maio, os aparelhos funcionavam em caráter educativo

23 maio 2019 - 09h00

Radares começaram a multar por alta velocidade em cinco pontos de Campo Grande, nesta quarta-feira. De acordo com a Agência Municipal de Transporte e Trânsito (Agetran), são três aparelhos no cruzamento da Avenida Afonso Pena com a Avenida Arquiteto Rubens Gil de Camilo, próximo ao shopping, e dois na Avenida Dr. Olavo Vilela de Andrade com a Rua Ramalho Ortigão, na Vila Albuquerque.

Desde o dia 7 de maio, os radares funcionam nestes pontos em caráter educativo. Com isso, 32 pontos de vias da Capital passam a ser monitorados de forma eletrônica e fixa. A velocidade máxima permitida nesses pontos é de 50 km/h. A previsão é que até o dia 31 de maio, outros quatro radares passem a fiscalizar com a finalidade de coibir as altas velocidades.

A fiscalização eletrônica por radares fixos foi retomada na Capital no final do ano passado, depois dos equipamentos ficaram quase dois anos sem funcionar. Entre final de 2016 e o final do ano passado, esta modalidade de aplicação de multas ficou suspensa. O motivo foi o encerramento de contrato com a empresa Perkons, responsável pelo gerenciamento das máquinas. Na época, 97 radares foram desligados em toda Capital.

 

ÓBITOS

Os óbitos no trânsito reduziram com reativação dos radares desde o final do ano passado. Conforme Agetran, entre janeiro e abril deste ano, foram 23 mortes contra 25 no mesmo período de 2017. No primeiro ano de radares desligados, as mortes subiram de 70 para 87. Com informações, Correio do Estado.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

246 KG
Com 246 kg, homem pede socorro e inicia tratamento para fazer cirurgia: 'Não consigo sair com minha família'
Caso raro!
Um redemoinho de fogo assustou produtores rurais na região rural de Santa Helena de Goiás
Economia
Preço do petróleo sobe após ataques na Arábia Saudita
Campo Grande
É o civismo pré-campanha eleitoral dos Vereadores da capital.
Sequestro
Pai pede para segurar bebê e sequestra criança em praça em MS
Interior
Fogo atinge fazenda de Bodoquena e avança em direção à área urbana
50 TIROS
Casal e criança são mortos com cerca de 50 tiros, em Ponta Grossa
Política
Bolsonaro fala sobre julgamento envolvendo autor de facada
Briga causada pelo dinheiro
MS: Homem que matou amigo por causa de moai vai para prisão domiciliar com tornozeleira
Política
Deputado banca bebida alcoólica com dinheiro público