Menu
Busca Sex, 26 de abril de 2019
(67) 9.9928-2002
PARALIZAÇÃO

Sem salário há 2 meses, terceirizados do Detran-MS param

Sindicato afirma que retorno às atividades ocorrerá quando pagamentos forem realizados

15 abril 2019 - 15h15

Seguranças terceirizados do Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de MS) paralizam atividades na manhã desta segunda-feira (15) em sete municípios de MS. Ao todo, 57 trabalhadores da empresa Disp Segurança nas localidades de Dourados, Ponta Porã, Antonio João, Bela Vista, Coronel Sapucaia, Itaporã e Maracaju estão em greve.

O motivo da paralisação, de acordo com o Seesvda-MS (Sindicato dos Empregados em Empresas de Segurança e Vigilância de Dourados e Afins), seria o atraso no pagamento dos salários há mais de dois meses. Segundo o presidente, Antônio Goes, o problema dos atrasos foi ocasionado porque o Detran-MS não teria feito o repasse à empresa de segurança.

“A empresa alega que não recebeu do Detran-MS e pelo portal da transparência, de fato, isso não ocorreu. Só há a informação de que foi empenhada nota em 12 de março, pelos serviços de fevereiro. E em 9 de abril, referente à março. Esse descaso vem ocorrendo há muito tempo, só o vale-alimentação tem dez meses que a gente não recebe.

De acordo com o sindicato, o retorno às atividades só deverá ocorrer quando os pagamentos forem efetivados. O Sindicato também esteve em Campo Grande na última sexta-feira para solicitar mediação do TRT-MS (Tribunal Regional do Trabalho da 24ª Região). “Estamos no aguardo das partes serem notificadas”, conclui o sindicalista.

A reportagem solicitou posicionamento ao Detran-MS na última sexta-feira, mas até o momento não obteve resposta. A empresa Disp Segurança também foi acionada, mas a atendente informou que a empresa não se posiciona sobre o assunto. Com informações, MS News.

Banner da campanha da dengue

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Repasse da ANS ao SUS atinge recorde de R$ 783 milhões, em 2018
Menininho Bolsonaro, ‘Não se meta’
POLÊMICA
Segundo o GLOBO: Bolsonaro alerta para amputações de pênis no Brasil por falta de água e sabão
CAPITAL
Menina de 5 anos é estuprada pelo marido da avó e pega HPV
INVESTIGAÇÃO
Procon encontra produtos vencidos há quase dois anos em postos de combustível
FAMOSOS
ELIANA ENTREGA QUE SABRINA SATO TIRA MUITO LEITE DURANTE ALMOÇO: "E NÃO MANCHEI A ROUPA"
CASO SUZANO
Imesc entrega laudos dos alunos feridos no ataque à escola de Suzano
4 ANOS APÓS CRIME!
Homem que matou enteada esfaqueada em MS é preso em Goiânia
POLÍTICA
“Brasil não pode ser país do mundo gay, temos famílias”, diz Bolsonaro
FRONTEIRA
Rastros do PCC: celular de agente executado na fronteira será periciado em Assunção