Menu
Busca Qua, 16 de outubro de 2019
(67) 9.9928-2002
CG e a Indústria da multa

Trad instala a sua " indústria da multa"

Indústria da multa em Campo Grande

11 julho 2019 - 08h00Por Plantão de notícias

A falta de palavra do prefeito é algo descarado, em campanha eleitoral ele encenou e prometeu não criar taxas, não aumentar impostos, não achacar os munícipes, mas nada disso cumpriu, pelo contrário criou a taxa do lixo, aumentou impostos e trouxe de volta a " indústria  pada multar" para Grande, MS.

Lamentável a falta de palavra do prefeito Marcos Trad, vulgo Marquinhos, e da atitude omissa e conivente dos vereadores da capital, que em nada defendem a população.

A farra da "indústria da multa" voltou com força na gestão atual, sendo instalados os aparelhos de controle e multa de veículos em locais que são verdadeiras arapucas.


A (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) informou por meio de nota em seu site que a partir desta quarta-feira (10), seis novos radares começam a funcionar em caráter educativo em Campo Grande. Os motoristas, portanto, devem ficar atentos aos novos locais. Confira quais são os pontos:

  • Avenida Vereador Thyrson de Almeida, 2094
  • Avenida Vereador Thyrson de Almeida com Avenida Graciliano Ramos
  • Avenida Gabriel Del Pino com Rua Felipe Camarão
  • Avenida Gabriel Del Pino prox. ao 803 (L-O)
  • Avenida Costa e Silva, 2371 – sentido oposto
  • Avenida Costa e Silva, 2371

O órgão municipal explica que os radares estarão em modo educativo entre os dias 10 e 24 de julho e a partir do dia 25 de julho, passam a operar de forma efetiva na fiscalização do trânsito da cidade.

"Moradores e motoristas reclamam dessa "indústria da multa" colocada pelo Marcos Trad, que tem uma capacidade de enganar como um político velho, lembra aquele personagen Odorico Paraguaçu, da tv." afirmou um comerciante indignado da Avenida Bandeirantes.

 

Em Campo Grande, são mais 54 radares operando na fiscalização do trânsito e caso você queira conferir a relação de todos e aonde estão instalado.

 

A bagunça está criada para multar as pessoas, porque a velocidade não bseguebum padrão, tem local que é de 30 km outro é 50 km. Vários estão escondidos por árvores ou outros obstáculos, verdadeira arapuca contra os motoristas e motociclistas de Campo Grande, MS.

 

Pior que locais que necessitam de orientação prevetiva, sequer um agente de trânsito é escalado para ficar por lá.

 

No total o prefeito Marcos Marcello Trad, vulgo Marquinhos, pretende instar 280 aparelhos para multar e retirar dinheiro do bolso das pessoas.

 

Com PHA

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
"Eu quero provar que Moro é o bandido, não eu", diz Lula à RTP
Famosos
16 de outubro : aniversário de 90 anos de Fernanda MontenegroConfira alguns momentos marcantes deste dia!
Frota sugere Pabllo Vittar para ministério: ‘No lugar da Damares, faria melhor’
Fortaleza
Governo do Ceará não confirma morte em prédio que desabou
Polícia
Chamaram -no de covarde que corumbaense era covardeCorumbaense
Exame para identificar vírus Zika é comercializado no país
Tragédia
Mortos por tufão no Japão chegam a 69. Dez seguem desaparecidos
Política
Maioria do Brasil considera que Lava Jato cometeu excessos
Nordeste brasileiro
CAIXAS MISTERIOSAS DE NAVIO DA 2ª GUERRA MUNDIAL APARECEM NO NORDESTE
Inacreditavel
Após ser abandonada grávida, empresária dá a volta por cima e emprega ex-namorado