Menu
Busca Ter, 26 de janeiro de 2021
(67) 9.9928-2002
Economia

Coronavírus faz arroba do boi gordo perder força no Brasil

16 março 2020 - 15h30Por Plantão de notícias

Os contratos futuros do boi gordo negociados na B3 seguem em queda. Nesta segunda-feira, 16, os preços chegaram a ficar abaixo de R$ 190 por arroba. De acordo com o analista Fernando Iglesias, da consultoria Safras, o mercado financeiro mundial está em pânico em função do coronavírus, o que gera uma perspectiva de menor corrente de comércio. “Exportações podem ser afetadas, inclusive as do Brasil. Não há números concretos para serem avaliados, mas o medo continua”, diz.

A expectativa de alguns órgãos é que o prejuízos na economia mundial chegue a casa dos trilhões. “A China já está mais tranquila, mas a situação está muito delicada do lado ocidental. Governos estão tentando estimular a economia, mas até agora parece insuficiente”, afirma.

Iglesias comenta que os frigoríficos devem operar em patamares mais baixos, a R$ 195/R$ 196 por arroba do boi gordo em São Paulo. Porém, segundo ele, ainda são valores interessantes para o pecuarista. “A recomendação é: antes que o mercado atinja o auge, o ideal é ir fazendo as vendas”, diz.

 

Fonte: Canal Rural

racismo

Deixe seu Comentário

Leia Também

Três Lagoas
Homem agride companheira e é preso por menina.
Covid 19
Janeiro registra mais de 460 óbitos por coronavírus e já é o 3º pior mês da pandemia
Tempo
Terça-feira de tempo claro, calor e pancadas de chuva à tarde
Campo Grande
Casa de Evento na MS-080 reuniu cerca de 15 mil pessoas no sábado no Show de dupla sertaneja
Fronteira
"Gringo Gonzales", considerado um dos mais temidos do mundo do crime, foi preso em PJC.
Fronteira
Pistoleiro que executou policial paraguaio foi preso e transferido para Assunção.
Campo Grande
Festa com aglomeracão é flagrada e organizadores vão parar na polícia.
Oxigênio
Caminhões com carga de oxigênio chegam a Manaus
Covid 19 em MS
Número de casos de Covid-19 continua alto na maioria das cidades do Estado
Vacina
Fiocruz negocia mais 15 milhões de doses de vacina da AstraZeneca