Menu
Busca Qui, 03 de dezembro de 2020
(67) 9.9928-2002
Bolsa

Dólar sobe para R$ 3,62 após empate técnico entre Ciro e Marina

14 maio 2018 - 20h33Por Redação Notícias VIP
Depois de subir até R$ 3,60 pressionado principalmente por fatores externos, o dólar voltou a reagir às turbulências políticas e terminou a segunda-feira (14) cotado a R$ 3,62, mesmo após o Banco Central ampliar a atuação no câmbio para suavizar a alta da moeda americana. O dólar comercial subiu 0,77%, para R$ 3,628. É o maior nível desde 7 de abril de 2016, quando a moeda fechou a R$ 3,693.

O dólar à vista, que fecha mais cedo, avançou 1,17%, para R$ 3,635. A Bolsa brasileira fechou praticamente estável, com leve alta de 0,01%, para 85.232 pontos. A alta foi amparada pelas ações da Petrobras, que se valorizaram em dia de aumento dos preços do petróleo e com o início da negociação dos papéis no Nível 2 da Bolsa.

Nesta segunda, a moeda americana reagiu ao resultado da pesquisa eleitoral CNT/MDA, que mostrou empate técnico entre os pré-candidatos Marina Silva (Rede) e Ciro Gomes (PDT). Marina aparece com 11,2% dos votos, enquanto Ciro surge com 9%, o que configura empate técnico.

Na liderança está o pré-candidato Jair Bolsonaro (PSL), com 18,3%. Os cenários não consideram o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.Quando Lula entra na disputa, ele aparece na primeira colocação, com 32,4% das intenções de voto. "A alta do dólar mostra esse mal-estar e que o pleito tende a não ser tão simples ou favorável a candidatos pró-mercado", avalia André Perfeito, economista-chefe da economista-chefe da Spinelli Corretora.

"A capacidade de candidatos que levem reformas à frente irem para o segundo turno não são fortes." A alta ocorre mesmo após o Banco Central anunciar, na sexta-feira, que ampliaria a atuação no câmbio para suavizar os movimentos da moeda americana. Agora, o BC vai rolar 50,7 mil contratos que vencem em junho e fará um leilão duas horas antes para oferecer 5.000 novos contratos com vencimento em julho.

O BC também diminuiu de de 8.900 para 4.225 o volume oferecido no leilão para rolagem dos contratos que vencem em junho. Nesta sessão, o BC vendeu integralmente a oferta de até 5.000 contratos novos de swaps. E também 4.225 para rolagem dos de junho. Até agora, já rolou US$ 3,326 bilhões dos US$ 5,650 bilhões que vencem em junho.Por outro lado, não indicou até quando vão durar as intervenções adicionais à rolagem de contratos de swap.

"O swap serve para suavizar a alta, para dar uma saída para empresário", diz Perfeito. Ele vê espaço para que o dólar suba até R$ 3,80. "O governo não tem mais boa notícia para dar, o que limita o espaço para queda do dólar." O Boletim Focus divulgado nesta segunda mostrou que os analistas e casas ouvidos pelo Banco Central reduziram de 2,7% para 2,51% a projeção para o crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) neste ano.

O CDS (credit default swap, espécie de termômetro de risco-país) subiu 0,33%, para 185,5 pontos.No mercado de juros futuros, os contratos mais negociados subiram. O DI para julho deste ano avançou de 6,220% para 6,232%. O DI para janeiro de 2019 avançou de 6,315% para 6,360%. 

Com informações da Folhapress.
racismo

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Senado aprova PL sobre prioridade de vacinação da covid-19
Esporte
Russell substituirá Hamilton na Mercedes no GP do Sakhir
Alerta
Com avanço da Covid, Mato Grosso do Sul registra média de mil casos por dia
Campo Grande
Prosseguir: Governo volta a registrar municípios em grau de risco extremo
Saúde
Agências do Detran em Ladário e Mundo Novo suspendem atividades por suspeita de Covid-19 entre servidores
Política
Agehab notifica mutuários de Nova Andradina por inadimplência
Brasília
Senado inclui organizações sociais na suspensão de cumprir metasEu
Esporte
Barcelona deveria ter vendido Messi, diz presidente interino
Campo Grande
Estadual de Futebol 2020: empate por 1 a 1 garante classificação do Operário à semifinal
Campo Grande
Especialistas veem na energia fotovoltaica oportunidades para desenvolvimento na agricultura familiar