Menu
Busca Sex, 04 de dezembro de 2020
(67) 9.9928-2002
Aumento

ROUBAM A PETROBRÁS E NÓS PAGAMOS A CONTA O PREÇO DO GÁS DE COZINHA SUBIU

11 maio 2018 - 09h33Por Redação Notícias VIP
A companhia tem como base o preço de paridade formado pelas cotações internacionais mais os custos de transporte e taxas portuárias.

De acordo com a estatal, a paridade é necessária porque o mercado brasileiro de combustíveis é aberto à livre concorrência, dando às distribuidoras a alternativa de importar os produtos. Além disso, o preço médio considera uma margem que cobre os riscos  como volatilidade do câmbio e dos preços.

O Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Gás Liquefeito de Petróleo (Sindigás) informou que foi comunicado pela Petrobras sobre novo reajuste de preço do GLP empresarial, para embalagens acima de 13 quilos.

De acordo com a Petrobras, o aumento será entre 5,8% e 8,6%, dependendo do polo de suprimento, nas unidades da petroleira.

Com o aumento, o ágio praticado pela Petrobras está em 31% em relação ao preço praticado no mercado internacional. Na avaliação do Sindigás, esse ágio vem pressionando ainda mais os custos de negócios que têm o GLP entre seus principais insumos, impactando de forma crucial empresas que operam com uso intensivo de GLP. Com informações da Agência Brasil.
violência contra a mulher 2

Deixe seu Comentário

Leia Também

Futebol
Operário-PR e Avaí empatam na abertura da rodada da Série B
Esporte
Jogos de Tóquio: dois meses após amputação, paratriatleta é prata
Política
Senado aprova PL sobre prioridade de vacinação da covid-19
Esporte
Russell substituirá Hamilton na Mercedes no GP do Sakhir
Alerta
Com avanço da Covid, Mato Grosso do Sul registra média de mil casos por dia
Campo Grande
Prosseguir: Governo volta a registrar municípios em grau de risco extremo
Saúde
Agências do Detran em Ladário e Mundo Novo suspendem atividades por suspeita de Covid-19 entre servidores
Política
Agehab notifica mutuários de Nova Andradina por inadimplência
Brasília
Senado inclui organizações sociais na suspensão de cumprir metasEu
Esporte
Barcelona deveria ter vendido Messi, diz presidente interino