Menu
Busca Sex, 30 de julho de 2021
(67) 9.9928-2002
Economia

Salário mínimo em dezembro deveria ser de R$ 3.960,57, diz Dieese

12 janeiro 2019 - 11h10

Em dezembro, o salário mínimo necessário para sustentar uma família de quatro pessoas deveria ter sido de R$ 3.960,57. O valor é 4,15 vezes o salário mínimo em vigor no mês passado, de R$ 954. A estimativa é do Dieese (Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos) e foi divulgada nesta terça-feira (8).

O departamento divulga mensalmente uma estimativa de quanto deveria ser o salário mínimo para atender as necessidades básicas do trabalhador e de sua família, como estabelecido na Constituição: moradia, alimentação, educação, saúde, lazer, vestuário, higiene, transporte e Previdência Social. 

Esse valor é calculado com base na cesta básica mais cara entre 18 capitais pesquisadas. Em dezembro, o maior valor foi registrado em São Paulo (R$ 471,44). Os menores valores foram observados em Recife (R$ 340,57), Natal (R$ 341,40) e Salvador (R$ 343,82).

A diferença entre o salário mínimo real e o necessário ficou estável de novembro para dezembro. No mês anterior, o ideal era que ele fosse de R$ R$ 3.959,98 (4,15 vezes o salário mínimo). 

 

Mínimo subiu para R$ 998 em 2019 

O salário mínimo em 2019 passou de R$ 954 para R$ 998. O novo valor já está em vigor. A decisão foi publicada na noite do dia 1º, em decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro. O texto estabelece, ainda, o valor diário do salário mínimo em R$ 33,27, e o valor por hora em R$ 4,54. 

O aumento do salário mínimo foi de R$ 44 (4,6%) em relação ao anterior. No entanto, o valor ficou abaixo dos R$ 1.006 aprovados pelo Congresso para o Orçamento deste ano. 

CORONA 3

Deixe seu Comentário

Leia Também

Mato Grosso do Sul
Inscrições prorrogadas para a segunda edição do Prêmio Inova
Oportunidade
Estão abertas as inscrições para curso de idiomas na UEMS
Brasília
PP não vai aceitar filiação de Bolsonaro
Dourados
Agesul retira mais de 800 toneladas de lixo das margens da MS-156 em Dourados
Interior
SubsRacial leva Campanha Julho das Pretas a Rochedo, com temas de saúde e educação
Mato Grosso do Sul
Temperaturas voltam a subir e ar seco segue predominando nesta quarta-feira
Mato Grosso do Sul
Governo investe R$ 5,8 milhões na pavimentação da MS-455, criando novo acesso a Capão Seco
Interior
Corpo de Bombeiros monitora incêndios com imagens de satélite e amplia fiscalização em áreas de focos
Campo Grande
Até quando a massa de ar frio polar vai atuar em Mato Grosso do Sul?
Esportes
Hoje é Dia: nota 10 de Comaneci e Dia do Futebol marcam semana