Menu
Busca Sáb, 16 de janeiro de 2021
(67) 9.9928-2002
Economia

Urgente! Caixa vai ampliar para 90 dias a suspensão de pagamento de dívidas

28 março 2020 - 15h03

Devido à pandemia que está acontecendo, diversos bancos entre outras instituições estão tomando medidas para ajudar seus clientes durante esse momento difícil. A Caixa Econômica Federal anunciou, inicialmente, a possibilidade de pausar, em até 60 dias, os pagamentos de prestações de contratos de empréstimo, incluindo habitacionais, que podem ter sido firmados por pessoas físicas e jurídicas.

No entanto, a instituição afirmou que vai ampliar o período para suspensão do pagamento de dívidas parceladas para 90 dias. A medida oferecida vai ser válida para pessoas físicas e empresas. A prorrogação vai ser garantida para quem está adimplente com o banco.

A Caixa também revelou que diminuiu juros nas linhas de crédito pessoal. Neste caso, o consignado será de 0,99% ao mês. O penhor será a partir de 1,99%, e o CDC ficará em 2,17%.

Para as micro e pequenas empresas, vai haver uma redução de juros será de até 45% nas linhas de capital de giro. Quanto às respectivas taxas, estas serão de 0,57% ao mês.

“Medidas importantes estão sendo anunciadas essa semana a clientes e funcionários. Faremos redução de juros, postergaremos mensalidades e prestações imobiliárias”, disse o presidente da Caixa, Pedro Guimarães.

O presidente da Caixa também disse que a prorrogação nas prestações imobiliárias vai estar disponível via aplicativo. Segundo Pedro, o valor das parcelas não será cobrado agora, mas elas deverão ser pagas juntas e integralmente após o término do prazo estendido.

Além disso, os valores serão incorporados proporcionalmente no saldo remanescente do cliente.

“Temos a maior base de capital de todos os bancos, um volume de caixa muito forte. Vamos injetar dinheiro na economia de forma direta e indireta. Vamos dar capital de giro para intermediários que fale com as empresas pequenas e fazer de maneira muito mais eficiente. Vamos fazer isso via operações de FIDC [Fundos de Direitos Creditórios]”, disse Guimarães.

Saiba como solicitar a pausa de pagamentos sem sair de casa

Com o objetivo de evitar aglomerações nas agências e ao mesmo tempo continuar atendendo os clientes e beneficiários, a Caixa oferece a possibilidade de pausar prestações de contratos de habitação de maneira digital.

Através do aplicativo APP Habitação Caixa, disponível para Android e em breve iOS, os clientes podem realizar a operação em casa.

A Caixa também disponibiliza atendimento pelos telefones 3004-1105 ou 0800 726 0505.

Medidas do Governo

O Governo Federal junto com instituições financeiras estão adotando diversas medidas para preservar a saúde pública e diminuir ao máximo o impacto econômico do coronavírus.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, anunciou recentemente que R$ 147,3 bilhões estão sendo destinados para ações de enfrentamento. A operação tem como foco trabalhadores formais, aposentados e empresas. Sobre o assunto, ele disse:

“Uma grande preocupação que o presidente sempre teve é o mercado informal. São 38 milhões de brasileiros que estão nas praias vendendo mate, vendendo cocada pela rua, entregando coisas, os flanelinhas. Todo esse pessoal dos autônomos. De repente quando a economia para e as pessoas ficam em casa, não é só o restaurante”

violência contra a mulher

Deixe seu Comentário

Leia Também

Oportunidade
Edição extra do Diário Oficial traz editais do processo seletivo para contratação de médico plantonista
USA
À medida que a inauguração se aproxima, o escrutínio da aplicação da lei leva extremistas dos EUA para os cantos escuros da internet
Bonitão do PCC
Após pedido do MPF, Bonitão do PCC é removido para Presídio Federal
Campo Grande
Fiat Uno cai no córrego na Ernesto Geisel esquina com Manoel da Costa Lima
Brasíl
Covid-19: Brasil tem 8,39 milhões de casos e 208,1 mil mortes
Oportunidade
Eldorado Brasil abre 800 vagas de emprego em três unidades de MS
Colapso
Manaus vai transferir 235 pacientes com covid-19 para oito estados
Covid 19
São Paulo retorna a fases mais restritivas de plano contra a covid-19
Covid 19 em MS
MS chega à metade de janeiro com 272 mortes por Covid-19
Sangue
Com estoque em 14%, Hemosul convoca doadores de O- e outras tipagens sanguíneas