Menu
Busca Sex, 04 de dezembro de 2020
(67) 9.9928-2002
Fama

Neymar evolui bem e já não tem mais pé imobilizado, informa PSG

29 abril 2018 - 15h47Por Redação Notícias VIP
A evolução da lesão de Neymar é satisfatória, e os médicos decidiram retirar toda a imobilização e proteção, segundo informações divulgadas neste domingo pelo Paris Saint-Germain, que não deu uma previsão para o retorno do craque brasileiro aos gramados. "Os próximos períodos do programa de recuperação serão feitos no Brasil e no centro de treinamento do clube", divulgou o time parisiense.

O comunicado foi emitido um dia depois que o jogador foi submetido a um exame de rotina a cargo dos médicos Rodrigo Lesmar, da seleção brasileira, e Eric Rolland, do PSG.

"Os exames mostram uma evolução muito satisfatória das lesões do tornozelo e do pé direito do jogador, o que permitiu a retirada da proteção que o jogador usava desde o dia 3 de março", informou o clube.

Neymar será submetido a uma revisão médica final no próximo dia 17, momento em que será definido quando ocorrerá a volta aos gramados. Jogador e Rodrigo Lasmar não confirmam, mas a prioridade é está 100% na Copa do Mundo. A preparação da seleção começará em 21 de maio, em Teresópolis. EFE
violência contra a mulher

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Senado aprova PL sobre prioridade de vacinação da covid-19
Esporte
Russell substituirá Hamilton na Mercedes no GP do Sakhir
Alerta
Com avanço da Covid, Mato Grosso do Sul registra média de mil casos por dia
Campo Grande
Prosseguir: Governo volta a registrar municípios em grau de risco extremo
Saúde
Agências do Detran em Ladário e Mundo Novo suspendem atividades por suspeita de Covid-19 entre servidores
Política
Agehab notifica mutuários de Nova Andradina por inadimplência
Brasília
Senado inclui organizações sociais na suspensão de cumprir metasEu
Esporte
Barcelona deveria ter vendido Messi, diz presidente interino
Campo Grande
Estadual de Futebol 2020: empate por 1 a 1 garante classificação do Operário à semifinal
Campo Grande
Especialistas veem na energia fotovoltaica oportunidades para desenvolvimento na agricultura familiar