Menu
Busca Qui, 18 de julho de 2019
(67) 9.9928-2002
FAMOSOS

Paulo Henrique Amorim morreu com mágoa da Record

Apresentador teve um enfarte e morreu na madrugada da última quarta (10)

12 julho 2019 - 11h30

Nesta quarta-feira (10), morreu Paulo Henrique Amorim decorrência de um enfarte fulminante. O jornalista foi velado nesta quinta (11), no Rio de Janeiro, mas sua morte ainda está repercutindo muito em toda a imprensa e redes sociais. Recentemente, o profissional tinha sido afastado de suas funções na RecordTV, do qual era contratado, por conta de suas declarações contra o governo Jair Bolsonaro.

Segundo informações da colunista Fábia Oliveira, do jornal 'O Dia', durante o velório do jornalista, Rosamaria Araújo, amiga da família, contou que o jornalista estava muito descontente com sua situação na RecordTV.

Segundo Rosamaria, o afastamento deixou o apresentador abalado; "Certamente [Foi por causa da política]. Foi um motivo de frustração para todos nós porque, qualquer interferência no pensamento político, na liberdade de imprensa, parece muito forte. Ele demonstrava certa indignação. Ele era uma pessoa muito aberta, veemente, falava tudo que pensava", afirmou.

A RecordTV não comentou sobre as acusações de que teria afastado o jornalista do 'Domingo Espetacular' por questões políticas.

Com informações, Fama/Notícias ao Minuto.

Liberdade de expressão

Deixe seu Comentário

Leia Também

Campo Grande
Ladrões se dão mal ao cair da moto
Mega-Sena
Resultado do sorteio do concurso n. 2170
JUSTIÇA
Registro de crimes cai no primeiro trimestre do ano
JUSTIÇA
Em MS, homem é preso em casa com arma, munições e R$ 21 mil
MILICIA
PF investiga suposta 'milícia' que com ameaças, extorsões e violência estaria tentando controlar aldeia urbana em Campo Grande
JUSTIÇA
Professor pesquisado por acusado de matar Marielle renuncia à direção após ameaças
Exemplo
PREFEITO MEXICANO SE DISFARÇA DE DEFICIENTE PARA TESTAR FUNCIONÁRIOS E FOI ISSO QUE ELE DESCOBRIU
Pai ridiculariza filha publicamente por ela não apoiar o atual governo
INVESTIGAÇÃO
Arma achada na casa de Flordelis foi usada para matar pastor
INTERIOR
Esposa de defensor público é encontrada morta em residência em MS