Menu
Busca Qui, 25 de fevereiro de 2021
(67) 9.9928-2002
O OUTRO LADO DO PARAÍSO

Renato e Fabiana tentam acordo com Clara: 'Meio a meio'

Por Carol Assis
Fabiana (Fernanda Rodrigues) não aguenta mais viver longe do luxo! Ao lado de Renato (Rafael Cardoso) , a dondoca procura Clara (Bianca Bin) para uma conversa decisiva.

"A audiência final está marcada. Eu tenho tudo para ganhar. Mas fiquei pensando, você pode recorrer. Creio que não estou contando nenhuma novidade."

A mãe de Tomaz (Vitor Figueiredo) confirma que vai recorrer, caso perca. Fabiana diz que sabe o que vai acontecer caso ela tome essa decisão:

"Mas eu não sou boba. Se recorrer, esse processo pode se arrastar por anos. Estou falida. Eu gosto do luxo."

Renato entra na conversa e tenta um acordo com a milionária:

"Meio a meio. Você nos dá metade do que ganhou com as telas. E fica com a outra metade."
Será que Clara vai topar essa proposta? Não perca este capítulo!

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasília
STJ desmembra processo para acelerar julgamento de Reinaldo por corrupção
Com decisão, os outros 23 denunciados com o governador de Mato Grosso do Sul serão julgados pela Justiça Estadual
Covid 19 em MS
Número de pacientes contaminados pelo novo coronavírus continua crítico
Covid 19 em MS
Com um mês do início da campanha de vacinação contra a Covid-19, idosos comemoram imunização
Agricultura
La Niña pode se estender até a primavera e os efeitos impactam no agro
Assistência Social
‘MS é referência para o país na política de assistência social e direitos humanos’ diz secretária Nacional de Proteção Global
Corrupção
Ex-desembargador é preso no Cocó no caso de venda de sentenças
Segundo a corporação, o magistrado já foi condenado em definitivo pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) na Operação Expresso 150, que apura esquema de venda de liminares durante plantões do TJ-CE
Interior
Operação tapa-buraco na MS-040 deve terminar na próxima semana
Interior
Com mais quatro frentes de obras, Estado soma mais de R$ 350 milhões de investimentos na infraestrutura de Dourados
Sangue
Quem já vacinou contra covid-19, pode doar sangue entre dois e sete dias
Mato Grosso do Sul
Sábado com céu de brigadeiro em Mato Grosso do Sul