Menu
Busca Ter, 14 de julho de 2020
(67) 9.9928-2002
famosos

Valesca denuncia assédio na TV: 'Queimei os órgãos de um homem'

28 março 2018 - 12h46Por Redação Notícias VIP
A MTV exibe nesta quarta-feira (28), o depoimento de duas musas do funk brasileiro para a #PqMulher, Valesca e Jojo Maronttinni (ex Todynho).

As cantoras falaram para a campanha que entra em sua reta final reunindo mulheres e provocando uma discussão atual: o assédio sexual vivido no dia a dia.Jojo Maronttinni, dona de um dos hits mais escutados e reproduzidos Brasil afora, "Que Tiro Foi Esse??, quando questionada se se sentia livre andando pela rua e qual o tipo de assédio já havia sofrido, revelou: "[Já falaram] "Aí, chupo toda!" Vai chupar o quê" Tem alguma bala, alguma manga, alguma fruta pra você chupar".

A cantora também comentou desculpas usadas por parte do público: "Não é porque eu uso um decote, um short curto, que ele tem o direito de passar a mão em mim. Não tem, amor! Respeito é bom e nós gostamos.

"Valesca também contou o que sofreu. "Eu tava no camarim, veio o contratante e ele veio querer colocar a mão em mim. E nisso que ele veio, ele botou os órgãos dele pra fora e eu tava com um babyliss na mão. Eu queimei um pouco os órgãos dele.", conta Valesca sobre o assédio vivido em seu ambiente de trabalho".

Medo dá, demais! Até a gente segura pra não falar.", completa.Também participam do programa a cantora Tiê, Aila e algumas influenciadoras como Maira Medeiros, P. Landucci, Louie Ponto, Ariane Freitas e Jessica Grecco.
RACISMO NÃO!

Deixe seu Comentário

Leia Também

Campo Grande
Causa repugnância a irresponsável conversinha desse prefeito sobre medicamento reprovados pela medicina.
Brasíl
Justiça determina quebra de sigilo bancário da Backer
Política
Governo vai enviar PL com penas mais rígidas para violência sexual
Saúde
Covid-19: Brasil chega a 72,8 mil óbitos e 1,88 milhão de casos
Brasília
Defesa aciona PGR contra Gilmar Mendes por ministro ter associado Exército a genocídio
Saúde
Crise do coronavírus pode ficar "pior e pior e pior", alerta OMS Reuters Staff
Brasíl e Mundo
Estudante de veterinária levou uma picada da terrível naja tinha outras cobras exóticas
Brasíl
Mulher de Queiroz se entrega e cumprirá prisão domiciliar com marido no Rio
Educação
Bolsonaro nomeia pastor Milton Ribeiro como ministro da Educação
Esporte
Natália Gaudio defende maior longevidade para atletas brasileiras