Menu
Busca Sex, 25 de setembro de 2020
(67) 9.9928-2002
Libertadores da América

Divulgada as chaves da libertadores

16 dezembro 2019 - 20h22

 Conmebol oficializou nesta segunda como será a divisão das equipes - e tudo ficou exatamente como antecipamos. O Brasil terá 'apenas' três cabeças-de-chave: FlamengoGrêmio PalmeirasSantos e São Paulo ficam no pote 2, enquanto o Athletico-PR fica no 3.

Como tem feito nos últimos anos, a Conmebol usa o seu ranking para definir cada pote.

Times do mesmo país não podem cair no mesmo grupo, a não ser que um deles venha da fase prévia - o São Paulo, por exemplo, não pode cair no grupo do Palmeiras, mas o Corinthians poderia cair na chave de qualquer um deles caso se classifique.

Na fase prévia, aliás, Corinthians Internacional são cabeças-de-chave. Mas isso lhes garante um confronto teoricamente mais fácil apenas na primeira partida. No segundo mata-mata eles podem pegar outros cabeças-de-chave - e até se enfrentar.

Fase de grupos

Pote 1: Flamengo (BRA), River Plate (ARG), Boca Juniors (ARG), Grêmio (BRA), Nacional (URU), Peñarol (URU), Palmeiras (BRA) e Olimpia (PAR)

Pote 2: Independiente Del Valle (EQU), Santos (BRA), São Paulo (BRA), Colo Colo (CHI), Libertad (PAR), Bolívar (BOL), Racing (ARG) e Universidad Católica (CHI)

Pote 3: LDU (EQU), América de Cali (COL), Athletico-PR (BRA), Junior Barranquilla (COL), Alianza Lima (PER), Caracas (VEN), Delfín (EQU) e Tigre (ARG)

Pote 4: Estudiantes de Mérida (VEN), Binacional (PER), Defensa y Justicia (ARG), Bolívia 2 e quatro times da fase prévia

2ª fase prévia

Pote 1: Cerro Porteño (PAR), Internacional (BRA), Corinthians (BRA), Sporting Cristal (PER), Deportivo Táchira (VEN), Atlético Tucumán, Tolima (COL) e Palestino (CHI)

Pote 2: Independiente Medellín (COL), Macará (EQU), Cerro Largo (URU), Chile 4, Bolívia 3 e três times da 1ª fase prévia

1ª fase prévia

Times do pote 1 enfrentam times do pote 2 em confrontos de mata-mata.

Pote 1: Barcelona (EQU), Guaraní (PAR) e Universitário (PER)

Pote 2: Progresso (URU), Carabobo (VEN) e Bolívia 4

O ranking

O ranking da Conmebol é dividido em três partes: desempenho de cada time nas Libertadores dos últimos dez anos (entre 2010 e 2019, neste caso), o desempenho dos clubes nos campeonatos nacional, também levando em conta os últimos dez anos, e um coeficiente histórico que leva em conta todas as outras edições do torneio (até 2009, neste caso).

Dentro estas duas primeiras vertentes que consideram o desempenho, os campeonatos mais recentes recebem uma pontuação maior. A cada ano, os pontos são diminuídos em 10%.

O coeficiente histórico dá pontos cada vitória e empate, além de um bonificação extra para cada campeão, vice e também cada time que chegou à fase semifinal dos torneios até 2009. Ao contrário das partes anteriores, a pontuação aqui não diminui com o passar dos anos

Para o sorteio da Libertadores, há ainda uma outra condição imposta pela própria Conmebol nos últimos anos: o campeão da Libertadores necessariamente entra no pote 1, enquanto o campeão da Sul-Americana vai para o 2 – a não ser que tenha pontuação suficiente para ser cabeça de chave.

 

Fonte: ESPN

news

Deixe seu Comentário

Leia Também

Corrupção
Operação da PF apura desvios no SUS de mais de R$ 2 milhões Ao todo 10 mandados de busca e apreensão foram cumpridos no RS e ES
Brasíl e Mundo
Tóquio exigirá testes de covid-19 para atletas, mas não quarentena
Brasíl e Mundo
Time coloca Bolsonaro entre 100 mais influentes e o responsabiliza por mortos na pandemia e crise ambiental
Saúde
J&J inicia estudo final de vacina contra Covid-19 em 60 mil voluntários
Vacina contra Covid 19
Polícia
"Argumento para lacrar bancas do bicho é ocupação de calçadas sem autorização " disse site de notícias.
Rio de Janeiro
"Vai vendo ... Witzel faltou algumas aulas do prefeito Crivella " disse a fonte
Mundo
Torre Eiffel é esvaziada em Paris Informação é da equipe de imprensa da torre
Brasil
Elias Maluco é encontrado morto dentro de cela
Campo Grande
Mulher é encontrada morta com ferimentos graves dentro do banheiro no fundo de um salão de cabeleireiros
Fronteira
Foram presos contrabandistas, entre eles um dos policiais da Operação Omertà.