Menu
Busca Sex, 17 de setembro de 2021
(67) 9.9928-2002
Esporte

Fórmula 1: Verstappen e Stroll batem em treino para GP de Portugal

Valtteri Bottas foi o mais rápido do dia

23 outubro 2020 - 14h30Por Plantão de Notícias

Verstappen xingou bastante no rádio da equipe depois do impacto quando ele tentava seguir o traçado interno, chegando a insinuar que Stroll é cego.

“Fiquei muito surpreso que ele tenha virado para dentro enquanto eu me aproximava dele. Não sei para onde eu teria que ir”, disse o holandês, que se recusou a se desculpar por seu palavreado. “Foi muito desnecessário”.

O chefe da Racing Point, Otmar Szafnauer, discordou: “Posso garantir 100% que Max sabia que Lance estava lá (…). Mas Lance não sabia que Max estava lá. É muito simples para mim”.

Mesmo assim, Verstappen encerrou o dia como segundo mais veloz, atrás de Bottas. Lewis Hamilton, heptacampeão de F1 da Mercedes, cravou o segundo melhor tempo da manhã e o oitavo depois do almoço.

Lando Norris, da McLaren, ficou em terceiro à tarde, à frente de Charles Leclerc, da Ferrari.

Bottas foi o mais rápido nas atividades da manhã e da tarde, mantendo o hábito de liderar nas sextas-feiras, com um melhor tempo geral de 1min17s940 no circuito de Algarve.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Rio de Janeiro
Apoiadores de Bolsonaro fazem ato em Copacabana, no Rio de Janeiro
São Paulo
Manifestantes fazem ato na Av. Paulista a favor de Bolsonaro
Brasília
PM informa que restabeleceu bloqueio na Esplanada dos Ministérios
Tribunal de Justiça
Fux manda retirar bandeira do Brasil Império hasteada na sede do TJ de Mato Grosso do Sul
Brasília
Esplanada terá esquema especial de segurança para protestos deste feriado
Brasíl
7/9: Moraes bloqueia contas de acusados de organizar atos antidemocráticos
MS já vacinou 50% dos jovens de 12 a 17 anos contra covid com a 1° dose – Feriado
MS
Secretaria de Estado de Saúde confirma três casos da variante Delta em Mato Grosso do Sul
STF
Urgente: Moraes determina prisão de ex-PM que o ameaçou de morte
Meio Ambiente
Ganhou prazo para resolver o problema, sob pena de multa e improbidade do prefeito