Menu
Busca Sex, 14 de agosto de 2020
(67) 9.9928-2002
Esportes

Tóquio 2020: medalhas feitas com eletrônicos descartados são apresentadas

26 julho 2019 - 15h00Por TecMundo

Foi anunciado já em 2016 que a Olimpíada de Tóquio em 2020, no Japão, terá as medalhas feitas a partir de metais reciclados de aparelhos eletrônicos descartados. Agora, faltando 1 ano para os jogos, o comitê organizador revelou o desenho delas.

Projetadas por Junichi Kawanishi, designer que ganhou uma competição entre 400 profissionais e estudantes, as medalhas têm 85 mm de diâmetro, 7,7 mm de espessura na parte mais fina e 12,1 mm na mais grossa.

Reciclagem
As medalhas foram projetadas a partir de metais provenientes de dispositivos eletrônicos descartados, a fim de expor o problema com o chamado e-lixo. A versão de ouro usa mais de 6 gramas do metal precioso, a de prata é feita de prata pura e a de bronze, a partir de uma liga metálica de 95% de cobre e 5% de zinco.

A campanha para arrecadar esses materiais reuniu 78.895 toneladas de aparelhos, sendo 6,21 milhões de telefones celulares. O montante resultou na extração de 32 kg de ouro, 3.500 kg de prata e 2.200 kg de bronze.

A Olimpíada de Tóquio tem início no dia 24 de julho do próximo ano. Com informações, Tech Mundo.

 

news

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
Senado aprova auxílio de R$ 600 para trabalhadores do esporte Medida beneficia todos os funcionários do setor
Brasil
Brasil ocupa 4ª posição no primeiro índice iberoamericano sobre Govtec
Geral
Moro vai enfrentar a OAB
Polícia
PF cumpre 36 mandados de prisão em oito estados e no DF
Esporte
Atlético-GO supera Flamengo, que continua sem pontuar no Brasileiro Em Salvador, Bahia vence Coritiba por 1 a 0
Esporte
Brasileiro: Atléticos vencem e Botafogo empata na abertura da rodada
Esportes
PSG vence Atalanta no fim e vai à semifinal da Liga dos Campeões
Esportes
Treze abre vantagem sobre rival Campinense na final do Paraibano
Política
Ricardo Barros deputado federal pelo Paraná será o líder do centrão do Bolsonaro
Brasíl
Disputa pelo vice da Fórmula E embola em prova ruim para brasileiros Oliver Rowland vence. Di Grassi, Massa e Sette Câmara ficam em branco