Menu
Busca Qui, 23 de maio de 2019
(67) 9.9928-2002
ESPORTES

VAR cancela pênalti, e Corinthians e Grêmio ficam no empate em São Paulo

12 maio 2019 - 09h00

Corinthians e Grêmio não saíram do zero. Hoje (11), na Arena Corinthians, em São Paulo, os dois times criaram pouco e pararam em defesas efetivas - seja pela estratégia ou por destaques individuais. A partida, válida pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro, ficou marcada pelo pênalti anulado ainda no primeiro tempo.

A bola tocou na mão de Fagner após cruzamento de Everton, e a penalidade foi assinalada imediatamente. Um minuto depois, a decisão foi revista após consulta ao VAR.

Com o placar, o Corinthians soma cinco pontos, e o Grêmio vai a somente dois. O time gaúcho continua sem vencer no Brasileirão.

Na próxima rodada do Brasileirão, o Corinthians visita o Athletico, e o Grêmio vai a Fortaleza enfrentar o Ceará. As duas partidas serão no domingo (19), às 16h (horário de Brasília) e 19h, respectivamente. Antes disso, as duas equipes têm compromissos pela Copa do Brasil: o Alvinegro recebe o Flamengo na quarta-feira (15), e o Tricolor visita o Juventude no dia seguinte.

 

Quem foi bem: Paulo Victor

O goleiro do Grêmio defendeu as três boas chances do Corinthians. A atuação confirma a boa fase de Paulo Victor, que foi herói na conquista do Campeonato Gaúcho e tem feito boas partidas.

Quem decepcionou: Sornoza
O equatoriano fez jogo sonolento e ficou bem apagado no duelo. Não conseguiu desempenhar a função de criação no meio-campo, mesmo com a estratégia de reagir ao Grêmio - algo que exige, em tese, menos criatividade.

 

Ramiro não se intimida e enfrenta ex-colegas

Ramiro não se acanhou no primeiro encontro com o Grêmio e os ex-colegas. O meia chegou a se envolver em confusão com Kannemann antes da cobrança de uma falta frontal. Também fez perseguições intensas a Everton e Luan. Acabou sendo sacado na metade do segundo tempo.

 

Corinthians faz primeiro tempo de visitante

O Corinthians exagerou mais uma vez na "retranca" nesta temporada. O time de Carille parecia jogar como visitante no primeiro tempo, atuando recuado e apostando na transição. A única variação tática foi a troca de posições entre Ramiro e Mateus Vital na direita, e o único lance de perigo foi uma cabeçada de Boselli, defendida pelo goleiro do Grêmio.

 

Grêmio peca ao não arriscar chutes

O Grêmio chegou a ter pico de 75% de posse de bola em Itaquera, mas não causou grande dano ao sistema defensivo do Corinthians. Em vários momentos, o time gaúcho foi preciosista e não arriscou chutes de média e longa distância. Resultado? A grande chance veio em bola parada. Luan cobrou falta frontal e acertou a trave direita de Cássio.

 

Pênalti é marcado e depois anulado

Aos 45 minutos do primeiro tempo, Everton entrou na área e cruzou para trás. A bola bateu no braço esquerdo de Fagner, e a arbitragem, em cima do lance, marcou pênalti imediatamente. Pouco depois, Marcelo de Lima Henrique foi chamado pelo VAR e revisou a decisão. A arbitragem voltou atrás e anulou a penalidade máxima.

 

Renato e Geromel se revoltam com pênalti anulado

Logo depois do apito final do primeiro tempo, o Grêmio inteiro foi em direção à arbitragem. Renato Gaúcho retirou os atletas e ficou apenas ao lado de Geromel para reclamar do pênalti anulado.

 

Fagner x Everton anima o jogo na bola e no microfone

O duelo entre Fagner e Everton ajudou a animar um pouco a partida, marcada pela monotonia antes do intervalo. O lateral e o atacante disputaram lances diretos com vitórias para ambos os lados. A contenda também foi boa nos microfones ao fim do primeiro tempo. Everton disse que Fagner foi imprudente por deixar o braço aberto, e o lateral respondeu dizendo que o atacante chutou no braço dele de propósito para cavar o pênalti.

"Eu procurei um companheiro, tocou no Fagner. Ele foi um pouco imprudente por ficar com braço aberto", disse Everton, ao Premiere. "Ele estava a menos de um metro, chutou no meu braço. Aí fica fácil, vamos fazer isso a toda hora. Chegar na área e chutar a bola na mão dos outros", retrucou o jogador do Corinthians.

 

Love 2 x 1 Boselli

Os atacantes Vagner Love e Boselli disputam posição no comando do ataque do Corinthians. Hoje, Love venceu em objetividade e finalizações. O camisa 9 acertou dois bons chutes de esquerda no segundo tempo, um de fora e outro de dentro da área, e só não marcou por conta de boas defesas de Paulo Victor. O argentino, por sua vez, só apareceu no jogo em uma cabeçada na entrada da pequena área, defendida pelo goleiro gremista no primeiro tempo. Boselli saiu no intervalo para a entrada do próprio Love.

 

Régis enfim estreia no Corinthians

O meia Régis, contratado por empréstimo do Bahia até o fim do ano, enfim fez a sua estreia com a camisa do Corinthians. Ele foi contratado em fevereiro, anunciado no dia 1° de março, mas só ficava como opção no banco de reservas. Hoje, ele estreou ao entrar no lugar de Sornoza, sumido no jogo, aos 35 minutos do segundo tempo. No primeiro lance, o meia já recebeu uma falta perigosa na entrada da área, mas Fagner cobrou na barreira.

 

Luan volta a ser titular e fica quase até o fim

O jogo em Itaquera marcou o retorno de Luan ao time titular do Grêmio. O camisa 7 se mostrou concentrado e com bons momentos. O melhor deles foi a cobrança de falta que não entrou por capricho. No segundo tempo, ele teve a confirmação da boa jornada: foi sacado somente na reta final para entrada de Pepê.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS 0 X 0 GRÊMIO

Data e hora: 11/05/2019 (Sábado), às 19h (Brasília)
Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Público: 36.624 pessoas (36.360 pagantes)
Renda: R$ 1.581.235,00
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Auxiliares: Rodrigo Figueiredo Corrêa e Silbert Faria Sisquim (ambos do RJ)
Cartões amarelos: Mateus Vital, Ramiro (COR); Juninho Capixaba, Leonardo, Michel, Kannemann (GRE)

CORINTHIANS: Cássio, Fagner, Manoel, Henrique, Danilo Avelar; Ralf, Ramiro (Júnior Urso), Sornoza (Régis); Mateus Vital e Clayson; Boselli (Vagner Love)
Técnico: Fábio Carille

GRÊMIO: Paulo Victor; Leonardo, Geromel, Kannemann e Juninho Capixaba; Michel, Matheus Henrique, Montoya (Thaciano), Luan (Pepê) e Everton; André (Felipe Vizeu)
Técnico: Renato Gaúcho

 

Com informações, Uol Notícias.

Deixe seu Comentário

Leia Também

INTERIOR
Nova Estação de Tratamento de Esgoto em Dourados deve entrar em pré-operação em junho
AMIZADE FORTE
Para celebrar 30 anos de amizade, idosas fazem tatuagem de ‘copo de cerveja’
FAMOSOS!
Padre Fábio de Melo sofre mal súbito, é levado às pressas para hospital e momento é exposto em vídeo
EXPLORAÇÃO INFANTIL
Crianças em desfile para serem adotadas: o que pode acontecer com elas?
PM tentou atrapalhar investigações sobre o assassinato de Marielle, aponta relatório da PF
INTERIOR
Caçamba que saiu de São Paulo e seguia para Vicentina pega fogo na MS-395 e chamas se espalham pela vegetação
INTERIOR
Casal é investigado por golpes contra idosos que somam mais de R$ 500 mil em Itaquiraí
SAÚDE
Em apenas cinco meses de 2019, dengue já matou em MS quatro vezes mais do que em todo 2018
CAPITAL
Polícia faz nova busca em local onde motorista de aplicativo foi morto: 'Foi um crime passional, agressivo e cruel'
CAPITAL
Cápsulas deflagradas são encontradas em bueiro de avenida de Campo Grande