Menu
Busca Seg, 01 de março de 2021
(67) 9.9928-2002
Redes sociais

A traição das imagens

09 abril 2018 - 15h30Por Redação Notícias VIP
Na era das selfies e redes sociais o que mais se desejou nos últimos dias foi uma foto do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva preso. Na realidade, este desejo, quase orgástico, foi idealizado muito antes do desfecho da operação Lava-Jato sobre o petista. A criação do pixuleco (boneco gigante com traje de presidiário representando o ex-presidente) por movimentos de direita já demonstrava isso. 

De qualquer maneira, o fato é que nenhuma selfie ou foto de Lula preso foram tiradas. Os jornalistas da grande mídia esperaram com perseverança o momento certo para dar o click ideal que garantiria as capas dos jornais, revistas e sites. No entanto, isso não aconteceu, ao contrário, o ?flash saiu pela culatra? e a mídia hegemônica teve que contentar-se com uma foto que viralizou nas redes sociais tirada pelo jovem fotógrafo Francisco Proner Ramos, de 18 anos.

Na imagem, Lula é abraçado por uma multidão que tenta, desesperadamente, impedi-lo de entregar-se à Polícia Federal.

Lula em uma sacada genial toma para si a narrativa dos fatos. Se a ideia do surreal processo, quase ?kafkiano?, era destruir a imagem do ex-presidente, o mais popular da história do país, isto não ocorreu!

Lula ?viralizou-se? nos braços do povo; e é esta a imagem que contará a narrativa. Em um momento obscuro do Brasil, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tornou-se sujeito de sua própria história. Ainda que o seu Habeas Corpus (em português, Tenhas teu Corpo/corpo livre) tenha sido negado, Lula da Silva, ironia fina, posou livre no dia de sua prisão. ?Nunca antes na história deste país? um ?condenado? foi fotografado nos braços livres do povo. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Leão
Prazo para entregar declaração do Imposto de Renda começa hoje
Campo Grande
A sujeira virou tradição em Campo Grande
Oportunidade
Evento on-line da Sedhast para os 79 municípios de MS começa nesta segunda-feira
Campo Grande
Prefeitura gasta muito recurso público, mas não consegue resolver problemas de semaforizacão, causando riscos e prejuízo à população.
Geral
Temporada de pesca começa com cota de 2020 valendo: um exemplar e cinco piranhas
Tempo
Março terá acumulados de chuva e calor acima da média em Mato Grosso do Sul
Campo Grande
Presidente do TJ recebe visita do Cônsul da República do Líbano
Covid 19 em MS
SES inicia tratativas para evitar que nova variante do coronavírus chegue no Estado
Covid 19 em MS
Com situação de leitos preocupante, Capital registra 542 novos casos de Covid -19 nas últimas 24 horas
Saúde pública
Sejusp e Hospital do Amor firmam parceria em benefício de servidores