Menu
Busca Seg, 14 de outubro de 2019
(67) 9.9928-2002
Política

Damares sobre polêmica do azul e rosa: ‘eu precisava dar aquele recado’

Polêmica sobre roupas das crianças não arrebatou a ministra: 'eu teria dado esse recado de uma forma ou outra'

11 outubro 2019 - 19h19Por VEJA

A ministra Damares Alves participou nesta manhã do Programa Pânico, da rádio Jovem Pan, e mandou alguns recados sobre sua atuação no ministério da Família.

“Menino veste azul e menina veste rosa, lilás, laranja… a cor que quiser”, disse. “Naquele instante eu precisava dar aquele recado. Não gostei da forma que saiu, por que eu estava entre amigos, mas eu teria dado esse recado de uma forma ou outra”, completou, sem arrependimentos.

Damares ainda denunciou o que chamou de “patrulhamento ideológico” no Governo: “Tínhamos uma iniciativa apontando que nós não poderíamos mais chamar meninas de princesas, no Brasil. Ao ponto de ter no Ministério da Cultura um projeto chamado de desprincesiamento e com bastante dinheiro público. Só que eles não combinaram com a família esse jogo e os pais são pegos de surpresa”.

“Os filhos não pertencem ao estado e sim o estado podendo intervir quando está criança estiver sob riscos ou prejuízos”, completou.

Com informações, Veja e Pânico na Rádio.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Internacional
Tufão Hagibis causa dezenas de mortes no Japão
Jogo de ontem
Zagueiro Marquinhos reconhece atuação ruim da seleção em Cingapura
Interior
Ao sair de festa, jovem é abordado por 10 rapazes e esfaqueado em Aquidauana
Polêmica nas redes sociais
Eduardo Bolsonaro ironiza sigla LGBT em camiseta
Caixa das laranjas
Notas fiscais reforçam a suspeita de caixa 2 na campanha do PSL de 2018
Campo Grande - sem efetividade
Trad não consegue evitar aumento de acidentes
Justiça
Justiça determina que governo contenha avanço de óleo em Sergipe
Interior
Três moradores em Guia Lopes são mortos e um é ferido na boca em possível tentativa de latrocínio em Corumbá
Internacional
Mercosul e Prosul apoiam governo do Equador e pedem fim dos protestos
Capital
Semana começa com calor de 40°C e chuva em todas as regiões de MS