Menu
Busca Qua, 18 de setembro de 2019
(67) 9.9928-2002
Simples Doméstico

Empregados domésticos tem até hoje para pagar guia do eSocial

06 abril 2018 - 11h15Por Redação Notícias VIP
O prazo para os empregadores domésticos pagarem o Documento de Arrecadação do eSocial (DAE) referente a março termina nesta sexta-feira (6). Como o dia 7, tradicionalmente usado como data-limite para o pagamento da guia, cai no sábado este mês, o prazo foi antecipado em um dia.

O Simples Doméstico reúne em uma única guia as contribuições fiscais, trabalhistas e previdenciárias que devem ser recolhidas. Para a emissão da guia unificada, o empregador deve acessar a página do eSocial na internet. Se não for recolhido no prazo, o empregador paga multa de 0,33% ao dia, limitada a 20% do total.

No eSocial, o empregador recolhe, em documento único, a contribuição previdenciária, que inclui o valor descontado da remuneração do trabalhador (que varia de 8% a 11%) e os 8% de contribuição patronal para a Previdência. A guia inclui 8% de Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), 0,8% de seguro contra acidentes de trabalho, 3,2% de indenização compensatória (multa do FGTS) e Imposto de Renda para quem recebe acima da faixa de isenção (R$ 1.903,98 em 2017).

Deixe seu Comentário

Leia Também

Covardia
Vídeo mostra personal trainer espancando a namorada
Olha o tamanho do bicho
Essa cobra estava prejudicando fazendeiro. Então, resolveu pegar a bichona.
Saúde pública em alerta no MS
Campo Grande tem maior número de mortes pela gripe.
Justiça
Decisão do TSE põe em risco mandatos de nove deputados de Rondônia
Capital
" Então o governador deveria entregar para cada aluno duas calças Jeans, do jeito que ele quer" comentou a aluna K.S.V.
Tecnologia
Cientistas conseguem gerar energia usando o frio da noite
Famosos
Visita do papai! Viúva de Mr. Catra revela contato espiritual com o marido
Final trágico
Enfermeira grávida de 6 meses morre a caminho do casamento em SP; bebê passa bem
Saúde mental: Psicopata
De assaltante frustrado a autor de furto, Rafael agora é apontado como assassino frio e cruel
Partido Progressistas
Progressistas tem mudanças bruscas no MS