Menu
Busca Ter, 27 de outubro de 2020
(67) 9.9928-2002
Brasil

Enquanto Robinho diz que Globo é 'do demônio, patrocinadores voltam com Santos F. C.

Bastou Robinho ter o seu contrato suspenso com o Santos, patrocinadores que ameaçavam ir embora, decidiram ficar na Vila Belmiro

17 outubro 2020 - 15h30Por R7 esportes

São Paulo,Brasil

"Bebeto, tô em paz, irmão. Como falei, Deus está me preparando para algo muito maior. No deserto, é nesses ataques que você se aproxima de Deus e se prepara. A gente tem N exemplos aí.

"Você viu o que fizeram com o Bolsonaro antes da eleição? O ataque que fizeram ao cara? Falando que o Bolsonaro era isso e aquilo? Que o Bolsonaro era racista, fascista, que era assassino? E quanto mais eles batiam no Bolsonaro, mais ele crescia. Então estou em paz mesmo, de coração. Não estou preocupado com eles”, diz o jogador.

“O bem sempre vence e a verdade vai aparecer.

"Os caras aí são pessoas usadas pelo demônio, né?

A gente sabe como a TV Globo é uma emissora do demônio. É só você ver as novelas, as programações. Então eu estou em paz. Deus vai dar a vitória. Que se cumpra o propósito de Deus na minha vida.

Meter gol neles, 'tamo junto'.

Vou meter uma camisa quando fizer gol:

"Globo lixo, Bolsonaro tem razão."

Enquanto Robinho desabafava contra a Globo, se comparava ao presidente Bolsonaro, que segundo ele também havia sido perseguido pela emissora carioca, algo muito importante para o Santos acontecia.

Os patrocinadores que ameaçavam abandonar o clube, por causa de Robinho, condenado por estupro na Itália, decidiram ficar.

Seguir investindo na camisa bicampeã mundial e que foi vestida por Pelé.

Eles somam R$ 20 milhões anuais.

O jogador, de 36 anos, segue sem destino certo.

Depois de ter desistido de jogar no Santos, tamanha a pressão.

Não sabe se seguirá no Brasil, mas quer jogar o mais rápido possível.

Como se 'meter' gols mudasse a sua realidade...

Por Rede Record

news

Deixe seu Comentário

Leia Também

Brasil
Cresce 60% o número de cidades com mais eleitores que habitantes
Lava Jato
"Tive câncer no estômago", diz João Santana, marqueteiro de Dilma e Lula
Campo Grande
Justiça retira Harfouche da campanha para prefeito de Campo Grande
Polícia
PF prende auditor da Receita que jogou notebooks no lixo em operação contra propinas da Qualicorp e da Rimo
Willians Gonçalves Nogueira foi alvo de buscas da Operação Triuno, assim como os fiscais Roberto Augusto Ribeiro e Eli Guedes da Silva
STF
Tese proposta no STF dificulta contratação de advogados sem licitação, diz OAB
Brasil
CMN aprova regulação simplificada para projetos inovadores
Operação Omertà
Ex-guarda municipal é solto, mas com tornozeleira.
Brasília
Embaixadora da Filipina que agredia a empregada doméstica foi obrigada a deixar o Brasil
Campo Grande
Chuva trás velhos problemas da falta de limpeza pública na capital
Campo Grande
Vento forte e princípio de chuva apavora população.