Menu
Busca Seg, 27 de setembro de 2021
(67) 9.9928-2002
Indigenas

Governo envia 2,8 toneladas de medicamentos a terras indígenas Xavante

Equipe do Ministério da Saúde reforça atendimento em Mato Grosso

28 julho 2020 - 08h02Por Pllantao de notícias

Os ministérios da Saúde e da Defesa enviaram 2,8 toneladas de medicamentos, testes rápidos para covid-19 e equipamentos de proteção individual (EPI), além de equipes médicas para as terras indígenas Xavante, em Mato Grosso.

A missão, que começou nessa segunda-feira (27), será dividida em três fases e vai até 16 de agosto. A primeira fase vai até domingo (2) e atenderá às aldeias dos Polos Base São Marcos e Campinápolis, do Distrito Sanitário Especial Indígena (Dsei) Xavante.

O Dsei Xavante tem população de 21,4 mil índios que vivem em 317 aldeias, em área de 68,4 mil quilômetros quadrados. São 32 unidades básicas de Saúde Indígena (UBSI), seis polos-base e duas casas de Saúde Indígena (Casai).

As toucas, luvas, aventais hospitalares e máscaras devem atender a cerca de 20 mil pessoas, de acordo com o secretário especial de Saúde Indígena, Robson Santos. O Ministério da Defesa é responsável pelo transporte e logística e levará 24 profissionais de saúde (médicos clínicos gerais, ginecologistas, infectologistas, pediatras, enfermeiros e técnicos de enfermagem) das Forças Armadas. 

Segundo o Ministério da Saúde, o atendimento médico precoce evita a remoção de pacientes para a rede hospitalar municipal. Os indígenas receberão tratamento para os sintomas leves do novo coronavírus, orientação sobre cuidados a serem seguidos e uso de EPI para enfrentamento da pandemia.

O Distrito Sanitário Especial Indígena Xavante tem 455 profissionais de saúde em área indígena, que atendem a 317 aldeias. Desses profissionais, 281 trabalham como agente indígena de saúde e agente indígena de saneamento. O programa Mais Médicos tem dez profissionais atuando no Dsei.

Uma Equipe de Resposta Rápida tem médico, dois enfermeiros e um técnico de enfermagem que atuam diretamente no enfrentamento da covid-19, com a identificação precoce de sintomas, aplicação de testes rápidos e orientações sobre isolamento social 

Conforme o ministério, o Dsei Xavante já recebeu mais de 23 mil itens, sendo 1.920 testes rápidos para covid-19. As próximas etapas da missão estão previstas para o período de 3 a 9 de agosto, na área do Polo-Base Sangradouro, e de 10 a 16 de agosto, no Polo-Base Marãiwatséde.

*Com informações do Ministério da Saúde

Edição: Graça Adjuto

Deixe seu Comentário

Leia Também

Esporte
Festa do Corinthians no pódio após a conquista do Brasileiro Feminino
Covid 19
Brasil soma 243 mortes por Covid e 8.668 novos casos em 24 horas
Total de infectados desde o início da pandemia é de 21,3 milhões, enquanto óbitos chegam a 594.443
Economia
Microempreendedores têm menos de uma semana para regularizar dívidas
Brasíl e Mundo
Austrália: pacto de Aukus não levará à proliferação nuclear
Tempo
Última semana de setembro terá pancadas de chuva com destaque para calor e tempo seco
Campo Grande
Croquete de mandioca com carne: petisco saboroso e prático
Politicos
Vai vendo Brasil!
Religiosos
Padre é preso por desviar dinheiro da igreja para orgias gays e drogas
Brasil e Mundo
Covid-19: Brasil registra 19,4 mil casos e 699 mortes em 24h
Justiça
STF decide se os estados devem pagar hospitais pela tabela SUS