Menu
Busca Qua, 27 de janeiro de 2021
(67) 9.9928-2002
Produção soja.

Juntos, dez municípios produzem 60% da soja de MS e mais do que 13 estados do país

17 abril 2018 - 14h25Por Redação Notícias VIP
Juntos, dez municípios de Mato Grosso do Sul responderam por 60,80% da produção de soja no estado na safra 2017/2018, o equivalente a 5,833 milhões de toneladas, das 9,584 milhões de toneladas colhidas nesta temporada.

Segundo dados do Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio (SIGA), da Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul (Aprosoja/MS), no grupo dos maiores produtores a liderança novamente é de Maracaju. O município da região sul mantém essa posição há várias safras. Neste ciclo colheu 1,081 milhão de toneladas, o que representou 11,28% do total do estado.

Depois, aparecem: Ponta Porã (853,528 mil toneladas), Sidrolândia (848,094 mil toneladas), Dourados (670,006 mil toneladas), São Gabriel do Oeste (437,744 mil toneladas), Aral Moreira (426,417 mil toneladas), Rio Brilhante (417,906 mil toneladas), Laguna Carapã (417,326 mil toneladas), Caarapó (350,170 mil toneladas) e Itaporã (331,091 mil toneladas).

O volume produzido pelo top dez do estado é tão grande que foi superior, por exemplo, ao total colhido por 13 dos 18 estados em que o grão foi produzido no país nesta temporada, de acordo com da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

Na lista de estados que têm a produção superada pelo grupo sul-mato-grossense estão: Roraima, Rondônia, Acre, Amazonas, Amapá, Pará, Tocantins, Maranhão, Piauí, Bahia, Minas Gerais, São Paulo e Santa Catarina.

Com o volume colhido nesta temporada, pela sexta safra consecutiva, Mato Grosso do Sul quebrou o recorde histórico de produção de soja. As 9,584 milhões de toneladas representaram um incremento de 12,3% frente aos 8,532 milhões de toneladas do ciclo 2016/2017.

Com um aumento da área cultivada no ciclo de 6,5%, chegando aos 2,700 milhões de hectares, a produtividade média das lavouras sul-mato-grossenses atingiu as 59,17 sacas por hectare. Entre as regiões do estado o melhor rendimento foi registrado no norte, 61,89 sacas por hectare, seguido pelo sul, com 58,88 sacas por hectare e o centro, com 57,49 sacas por hectare.

O município que contabilizou a maior produtividade do estado, de acordo com o SIGA, foi Deodápolis, no sul, com média de 4.113,60 quilos por hectare, o equivalente, a 68,56 sacas por hectare.
racismo

Deixe seu Comentário

Leia Também

Campo Grande
Presidente da Alems, Paulo Corrêa assume como governador em exercício de MS, nas férias de Reinaldo Azambuja
Campo Grande
Dono de hotel é detido com droga e dinheiro no centro
Campo Grande
Agentes da PRF interceptam carga de 9,5 tonelada de maconha na MS-276
Campo Grande
Onça solta no Pantanal já se alimentou e até atravessou o Rio Paraguai a nado
Covid 19 em MS
MS registra 1.047 novos casos; outros 5,2 aguardam encerramento
Marido matou esposa com 17 tiros após churrasco de família em fazenda de MS
Campo Grande
Quatro presos fogem do presídio de segurança Máxima de madrugada
Três Lagoas
Homem agride companheira e é preso por menina.
Covid 19
Janeiro registra mais de 460 óbitos por coronavírus e já é o 3º pior mês da pandemia
Tempo
Terça-feira de tempo claro, calor e pancadas de chuva à tarde