Menu
Busca Ter, 13 de abril de 2021
(67) 9.9928-2002
MS

Mato Grosso do Sul é destaque entre os Detrans, afirma Diretor-Geral do Denatran

03 abril 2021 - 15h00Por AB/PHMS

“Trabalhamos com base na integração e atacamos em duas frentes muito importantes. Uma delas é a nossa grande marca: a transformação digital. E o Mato Grosso do Sul tem sido destaque entre os Detrans de todo o país”. A afirmação foi feita pelo diretor-geral do Denatran, Frederico Carneiro, na manhã de hoje, durante reunião online conduzida pelo Detran-MS com a participação de órgãos ligados ao trânsito no Estado.

O encontro “Detran Digital: Avanços e Desafios”, que debateu as diretrizes do Departamento Nacional e apresentou os trabalhos desenvolvidos no Estado, estava programado para ocorrer de forma presencial, no entanto, devido ao período de restrições causado pelo avanço de pandemia, foi realizado no formato digital.

Durante duas horas, o diretor-presidente do Detran-MS, Rudel Trindade, diretores, gerentes e demais autoridades ligadas ao trânsito, tiveram a oportunidade de trocar experiências e solicitar orientações sobre as mudanças que vem sendo programadas para 2021 com a nova lei 14.071 do CTB (Código de Trânsito Brasileiro).

“Um dos nossos pilares é a integração do diálogo e coordenação dos órgãos”, enfatizou Frederico Carneiro. Segundo ele, em todo o País, já são 1,7 mil municípios integrados ao SNT (Serviço Nacional de Trânsito).

De acordo com o diretor-geral do Denatran, a informatização dos sistemas é muito importante, principalmente, no âmbito dos Estados. “A gente sente isso e Mato Grosso do Sul tem se destacado”, reafirmou. Ele usou como exemplo, a implantação do Renave (Registro Nacional de Veículos em Estoque) e a implantação do CRLV-e: “Brilhantemente o Detran-MS matou no peito e conseguiu oferecer ao cidadão o serviço em primeira mão”, afirmou.

Nesse momento, segundo ele, por conta da Covid-19, “não fossem esses sistemas digitais, seria o caos no trânsito”, salientou.

Vários outros temas, além da implantação dos sistemas digitais foram tratados durante o encontro. Entre eles, questões relacionadas à segurança, educação para o trânsito e mudanças no CTB.

Na ocasião, Rudel Trindade, Presidente do Detran-MS, lembrou que mais de 40 municípios vão receber investimentos em sinalização viária somente esse ano com recursos oriundos de multas. Temos feito contato com universidades estaduais, federais, para que o Detran financie, em conjunto, planos de mobilidade urbana. “Queremos financiar ou ceder o trabalho para alguns municípios”, enfatizou.

O encontro, teve a participação de representantes da Agetran, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Rodoviária Estadual, Polícia Militar de Trânsito, Conselho Estadual de Trânsito, além de dirigentes do Denatran e do Detran de Mato Grosso do Sul.

Vivianne Nunes, Detran/MS

Deixe seu Comentário

Leia Também

Campo Grande
Jovem morre em acidente na Av. Mato Grosso com Rua Bahia, na capital.
Covid 19 em MS
Novas variantes P1 e P2 em circulação no MS tem maiores índices de contaminação
Campo Grande
Eletricista leva carro recheado de drogas para transportadora na capital.
OMS
Pandemia de covid-19 "está longe de terminar", diz chefe da OMS
Pandemia
Índia passa o Brasil e é 2º país com mais casos de covid-19 no mundo
Brasil e Mundo
Mais de 70% dos japoneses querem Jogos de Tóquio cancelados ou adiados
Brasil
Covid-19: país tem 13,4 milhões de casos acumulados e 353,1 mil mortes
Esporte
Flamengo bate Palmeiras nos pênaltis e leva Supercopa do Brasil
Interior
Estado instala dez leitos de UTI’S no Hospital da Vida, em Dourados
Campo Grande
Praças da PM e CBM realizam prova de Processo Seletivo Interno neste domingo