Menu
Busca Seg, 18 de novembro de 2019
(67) 9.9928-2002
Saúde

O papel real da dieta na hipertensão/Por Daniel Magnoni

11 abril 2018 - 15h11Por Redação Notícias VIP
Hipertensão (//iStock)

A hipertensão arterial sistêmica (HAS) é uma condição do organismo caracterizada por níveis elevados e constantes da pressão arterial, quando a pressão se mantém maior que 120×80 mmHg, de uma forma mais geral. Nesse sentido deve-se considerar também as adequações deste nível de acordo com a faixa etária.

A hipertensão é um problema de saúde pública mundial e estima-se que acometa cerca de um bilhão de indivíduos. Ela é considerada um dos principais fatores de risco para a ocorrência de eventos cardiovasculares, que são a principal causa de morte no nosso país. No Brasil, a HAS acomete cerca de 32% dos indivíduos adultos, com prevalências de mais de 50% em indivíduos entre 60 e 69 anos, e de 75% em indivíduos com mais de 70 anos.

Níveis apropriados de pressão são importantes para a manutenção do funcionamento adequado do corpo e de órgãos como cérebro, coração e rins. Como a elevação da pressão causa poucos sintomas em seus estágios iniciais, muitas pessoas que possuem o problema ficam subdiagnosticadas. A detecção precoce, seguida de um acompanhamento de saúde e tratamento adequados, são fundamentais para a prevenção de complicações e intervenções como cirurgias e tratamentos dialíticos. Após o diagnóstico, é fundamental que o indivíduo seja acompanhado por uma equipe multidisciplinar que o oriente e motive sua adesão ao tratamento medicamentoso e não medicamentoso.

A prevenção da hipertensão é a melhor maneira de evitar consequências indesejadas para a saúde. Ela pode ser feita através da manutenção de hábitos saudáveis, como uma alimentação balanceada com redução do consumo de sal, prática de atividades físicas, redução do peso de forma global e o consumo moderado de álcool.

A alimentação, além da redução do sal de cozinha (NaCl  Cloreto de Sódio) em níveis menores de 5 g por dia ( 2 gramas de Sódio) deve ser enriquecida de alimentos ricos em potássio; alguns trabalhos também mostram melhores níveis de pressão arterial quando o potássio sérico (sanguíneo) está em valores ideais. O consumo de alimentos do reino vegetal, como frutas, legumes e verduras, possui efeitos sensíveis na redução da mortalidade de forma geral e promove redução de peso, importante aliado na redução da pressão arterial.

Os alimentos industrializados, embutidos, caldos e preparações em pó, enlatados e envidrados, na medida que possuem alta concentração de sódio, utilizado na conservação e aumento da vida média desses alimentos, deve ser reduzido.

Uma das ações de saúde mais efetivas esta baseada na educação por hábitos saudáveis das pessoas, nesse sentido a leitura dos rótulos é uma das principais ferramentas. No Brasil, os rótulos, apesar das diversas tentativas oficiais de melhorá-los, continua de difícil leitura, seja pela formatação do texto, pela nomenclatura ou pela forma de apresentação das quantidades.

Nas prateleiras dos supermercados e de forma geral, os brasileiros podem ter acesso a diferentes tipos de sal. Essa diferenciação é somente no aspecto de aparência, devido a várias tonalidades e cores e no tamanho das pedras, a quantidade de sódio continua sempre a mesma.

Principais tipos encontrados nas prateleiras:

Sal de cozinha ou refinado. Mais comum na mesa do brasileiro, é dissolvido e recristalizado à temperatura e pressão controladas em instalações industriais. Constituído basicamente por cloreto de sódio, de acordo com as leis brasileiras, recebe adição de iodo para se evitar o bócio.

Sal marinho / gourmet .Há diversos tipos que, dependendo da procedência, podem apresentar variações de cor e tamanho dos cristais. Bastante usado em preparações de culinária e em receitas gourmets.

Sal grosso. Produto comum no dia a dia do brasileiro, não refinado apresentado na forma que sai da salina. Na culinária é usado em churrasco, assados de forno e peixes curtidos.

Sal light. Produto com partes iguais de cloreto de sódio e cloreto de potássio. Ideal para pessoas com dietas restritivas ao sal. Podem ter um gosto residual amargo que dificulta a aceitação.

Sal defumado. Tem sabor e aroma peculiares que dão toque especial às preparações. Suas características estão relacionadas a moda gourmet e aos chefs televisivos.

Gersal . Muito utilizado na cozinha macrobiótica / vegetariana e alternativa, é o sal misturado com sementes de gergelim tostadas e amassadas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Capital
Jovem morre afogado em lago, na capital
Rumo ao título
Flamengo ganha do Grêmio e segue firme
Campo Grande
Jovem mergulha e não volta em lagoa na Chácara das Mansões
Moto velocidade
Granado garante a vitória na MotoE em Valência
México
Evo Morales teme guerra civil na Bolívia
Polícia
Família é presa em flagrante transportando cocaína
Brasileirão sub-20
Briga no sub-20, decepcionou torcedores
BR-060
Acidente fatal envolvendo motociclista
Esporte
Se vencer o Grêmio, Fla igualará recorde do Corinthians no Brasileirão
Esporte
Portugal classificado na Eurocopa 2020