Menu
Busca Sex, 26 de abril de 2019
(67) 9.9928-2002
GERAL

Operação apreende 7 toneladas de alimentos em mercado e açougues

10 abril 2018 - 15h01
Mais de sete toneladas de alimentos impróprios foram apreendidos e destruídos durante uma operação conjunta entre Decon (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Contra as Relações de Consumo), Iagro e Vigilância Municipal em Mato Grosso do Sul. Foram quatro dias de fiscalização em açougues e supermercados de varejo em três municípios do Estado.

As ações aconteceram entre os dias 2 e 6 de abril nas cidade de Bandeirantes, São Gabriel do Oeste e Rio Verde de Mato Grosso. Segundo a Polícia Civil, o operação tinha como objetivo a prevenção e repressão à comercialização de ?produtos impróprios para o consumo ou em desacordo com a legislação sanitária?.

Nos quatro dias, a ação resultou na apreensão e destruição de aproximadamente sete toneladas de alimentos de origem animal, vegetal e também perecíveis em geral.

Segundo a polícia foram encontradas várias irregularidades como o armazenamento inadequado, temperatura acima do permitido por lei, ausência de registro de inspeção sanitária e até abate clandestino. Ao todo, foram registrados 17 boletins de ocorrência prosseguimento das investigações.
Banner da campanha da dengue

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Dólar fecha abaixo de R$ 3,96 após ultrapassar R$ 4
SAÚDE
Repasse da ANS ao SUS atinge recorde de R$ 783 milhões, em 2018
Menininho Bolsonaro, ‘Não se meta’
POLÊMICA
Segundo o GLOBO: Bolsonaro alerta para amputações de pênis no Brasil por falta de água e sabão
CAPITAL
Menina de 5 anos é estuprada pelo marido da avó e pega HPV
INVESTIGAÇÃO
Procon encontra produtos vencidos há quase dois anos em postos de combustível
FAMOSOS
ELIANA ENTREGA QUE SABRINA SATO TIRA MUITO LEITE DURANTE ALMOÇO: "E NÃO MANCHEI A ROUPA"
CASO SUZANO
Imesc entrega laudos dos alunos feridos no ataque à escola de Suzano
4 ANOS APÓS CRIME!
Homem que matou enteada esfaqueada em MS é preso em Goiânia
POLÍTICA
“Brasil não pode ser país do mundo gay, temos famílias”, diz Bolsonaro